Anterior Próxima
Bia Guedes
Perfil

Casa Golden

Localizada no interior de São Paulo, na cidade de Tatuí, a casa ocupa um terreno de 600m² naturalmente plano. O conceito do projeto surgiu a partir da pesquisa e analise do perfil da moradora, que nos deixou à vontade para abusarmos de elementos mais marcantes. Com três cachorros da raça Golden, como membros importantes da família, o desafio da concepção era que diante da metragem pretendida de construção, ainda existisse áreas livres de qualidade para a circulação e interação entre eles. O programa se estabelece em dois níveis, o acesso principal se dá em forma de uma extensa varanda direcionada por uma passarela em epóxi amarelo que atravessa o conjunto de maneira longitudinal, definindo o fluxo para todos os ambientes do térreo. A implantação visou captar a melhor insolação e relação de privacidade entre vizinhos, sendo assim, em formato de L, a casa circunda sua área de lazer posicionada na frente do terreno, de modo a tomar partido da largura da rua como um recuo mais interessante. A parte interna da casa, com ambientes diretamente integrados, tem relação intensa com o externo, fazendo com que o paisagismo, a luz natural e a ventilação transpassem os ambientes através dos caixilhos e clarabóias. Um grande solário repousa como cobertura da área social e como um grande quintal, é o lugar preferido das crianças e dos cachorros. Com acesso pela varanda dos quartos, há também uma escada metálica externa fazendo a transição para a área de lazer e proporcionando um fluxo de circulação em 360° pela casa. A fachada é composta por um muro inclinado como guarda corpo dessa circulação interna vertical e um balanço de cinco metros da laje superior por onde se dá o acesso e a garagem; ao plano de fundo, um painel com cerâmicas decoradas compõe com o colorido da passarela para uma estética mais divertida. Ao adentrar, um volume de pedras madeira filetadas rodeiam e organizam a área gourmet, integrando-a ao conjunto. Pilares circulares em concreto aparente fazem a estrutura das áreas sem fechamento. O pavimento superior, em contraponto, tem uma volumetria sólida mais sóbria, um caixote branco envolvendo uma caixilharia camarão que unifica visualmente a abertura dos quartos; e aos fundos, no corredor íntimo, cobogós perfuram a fachada controlando a incidência solar vespertina, mas permitindo que a vista e claridade permeiem seus vazios.