Menu
Projetos e Obras
Busca

Conteúdo Correspondentes Internacionais

“Slow Down Design”: a tendência do momento focada no bem-estar

31/08/2020

Essa tendência veio para “slow down” o mundo, onde há essa pressão de sempre sermos mais efetivos e rápidos todo o tempo. Confira mais por quê.

Displays simples e descontraídos feitos em madeira fazem parte desse conceito de design "slow down" (Foto: Domagoj Kunić/ Cortesia Brigada)

Displays simples e descontraídos feitos em madeira fazem parte desse conceito de design “slow down” (Foto: Domagoj Kunić/ Cortesia Brigada)

Vivemos em um mundo onde espera-se que as pessoas sejam mais produtivas todo o tempo, obrigando-as a adotar um lifestyle corrido e sem tempo para nada. Sentimos a pressão de ter que fazer muitas coisas ao mesmo tempo e rapidamente, para estar nessa corrida competitiva ao sucesso.Um sistema baseado na competição, no consumismo e na conquista financeira e social. Ter sempre as últimas tendências, saber de tudo o que está passando nas mídias sociais, ser mais efetivo no trabalho, ganhar um promoção mais rapidamente que os demais, estar em dia socialmente…

Mas, afinal, tudo isso para quê?

Em oposição a esse ritmo de vida, surge a tendência do “slow down”. As pessoas começam a perceber que não vale a pena estar nessa corrida contra o tempo e decidem que o melhor é parar e focar no seu bem-estar e espiritualidade, para sentir-se mais conectadas com o mundo ao redor. Respirar fundo. Viver uma vida tranquila e honesta. E analisar melhor o impacto das nossas ações.

Essa tendência afeta principalmente o campo da arte, do design e da arquitetura. Profissionais criativos buscam formas de materializar espaços, soluções e projetos para promover esse bem-estar social. Trazer artefatos simples, mas que convivam em harmonia entre as pessoas, sem impacto social e ambiental. Aqui temos alguns exemplos de design que já seguem esta tendência:

FAYE TOOGOOD

A designer britânica Fede Toogood cria móveis e objetos demostrando a sua preocupação com a experimentação dos materiais. Ela trabalha com artesãos e deixa que seus artigos tenham a irregularidade do trabalho à mão. Isso que torna seu design harmônico e “slow down”.

Cadeira desenhada por Faye Toogood. O design da cadeira deixa de ser somente um mobiliário e passa ser um objeto escultural (Foto: Barbara Cassou)

Cadeira desenhada por Faye Toogood. O design da cadeira deixa de ser somente um mobiliário e passa ser um objeto escultural (Foto: Barbara Cassou)

CASA GITANE

A Casa Gitane é uma loja de móveis e decoração em Amsterdã. Seu conceito é ter uma curadoria minuciosa, inspirada em lugares remotos e em um estilo de vida nômade e tranquilo. As peças à venda representam uma mistura de estilos, combinando o minimalista com o rústico e ressaltando a beleza nos detalhes dos objetos. (Conheça mais sobre a Casa Gitane aqui)

O espaço descontraído junto com o mix entre o moderno e o rústico da Casa Gitane em Amsterdã (Foto: Barbara Cassou)

O espaço descontraído junto com o mix entre o moderno e o rústico da Casa Gitane em Amsterdã (Foto: Barbara Cassou)

ALPSTORIES por BRIGADA

Brigada foi o estúdio por traz do conceito da loja de cosméticos eslovena Alpstories. É a primeira loja no mundo onde é possível customizar 100% um produto natural para o seu tipo de pele. Os valores da marca se traduzem no retail design: um link entre a natureza e a tecnologia. O uso de madeira em displays simples e descontraídos trazem esse ambiente relaxado que promove o bem-estar durante as compras.

Uso da madeira, tons neutros e a imagem dos alpes nos fundos da loja, trazem um ar de conforto e bem-estar para os consumidores (Foto: Domagoj Kunić/ Cortesia Brigada)

Uso da madeira, tons neutros e a imagem dos alpes nos fundos da loja, trazem um ar de conforto e bem-estar para os consumidores (Foto: Domagoj Kunić/ Cortesia Brigada)

Parar um bom tempo para projetar, escolhendo com calma os acabamentos e materiais do seu design já faz com que ele entre nessa onda “slow down”. Pensar melhor no seu usuário e que experiências você está levando a ele através do design é muito mais efetivo do que criar as coisas rapidamente, simplesmente por criar. Slow down and design!

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *