Menu
Projetos e Obras
Busca

(Imagem cortesia: Edoardo Tresoldi)

Conteúdo Correspondentes Internacionais

Intervenção artística de Edoardo Tresoldi em Ravenna

20/10/2021

Os detalhes da incrível intervenção artística, em Ravenna, de Edoardo Tresoldi, o italiano conhecido pela “matéria ausente” e as obras de arame.

Por ocasião da exposição Dante no MAR – Museu de Arte da Cidade de Ravenna, Edoardo Tresoldi cria uma intervenção artística chamada Sacral, na fachada da estrutura, que estará em exibição no claustro do dia 1 de setembro de 2021 até o término da exposição que será em 9 de janeiro de 2022.

Ravenna
Sacral, Edoardo Tresoldi (Imagem cortesia: Edoardo Tresoldi)

Tresoldi é conhecido como o artista “Absent Matter”, além das suas malhas de arame que já foram instaladas pelos quatro cantos do mundo. Em 2017 foi nomeado pela Forbes como um dos artistas europeus mais influentes com menos de 30 anos.

Ravenna
Sacral, Edoardo Tresoldi (Imagem cortesia: Edoardo Tresoldi)

A obra, recém-instalada no MAR, foi criada originalmente em 2016 e montada em Ravenna apenas agora para a ocasião. 

Escolhida por Giorgia Salerno, curadora da seção de arte contemporânea da exposição, veio para representar o tema das Almas e criar uma releitura ideal do Castelo das Grandes Almas de Dante.

Tudo isso como forma de uma grande instalação que permite aos visitantes uma visão extremamente imaginativa, experimental e possível de integrar totalmente com a paisagem circundante.

Ravenna
Sacral, Edoardo Tresoldi (Imagem cortesia: Edoardo Tresoldi)

O Castelo Nobre, como Dante o chama no Canto IV do Inferno, é um lugar simbólico habitado pelas almas daqueles que deixaram honra e fama para trás na terra. Eles são as grandes almas da antiguidade – filósofos, poetas, cientistas e escritores – com olhos graves e lentos. 

Pessoas que foram grandes em suas vidas terrenas por causa de suas qualidades morais, mas que estão destinadas ao sofrimento eterno porque carecem das virtudes teológicas.

Ravenna
Sacral, Edoardo Tresoldi (Imagem cortesia: Edoardo Tresoldi)

Sacral foi instalada no claustro do século XVI do Museu de Arte da cidade – originalmente o mosteiro canônico de Santa Maria no Porto – criado em homenagem à Madona grega mencionada por Dante no Paraíso, cântico que ele completou durante sua estadia em Ravenna. 

A obra permite que os visitantes entrem fisicamente dentro dela, representando o Nobre Castelo como uma verdadeira reconstrução à viagem de Dante.

Ravenna
Sacral, Edoardo Tresoldi (Imagem cortesia: Edoardo Tresoldi)

A obra é considerada pelo artista como uma imagem arquetípica, capaz de criar um diálogo entre o passado e o presente, a partir de uma linguagem composta por significados que se repetem no tempo. 

No claustro quinhentista do MAR, Sacral funciona como a memória de um lugar onde já estivemos, uma imagem familiar que introduz o visitante na exploração de Dante.

Ravenna
Sacral, Edoardo Tresoldi (Imagem cortesia: Edoardo Tresoldi)

A seção de arte contemporânea da exposição explora vários temas de Dante, como almas, viagens, mulheres, sonhos e luz – que foram selecionados para orientar os visitantes ao longo da visita. 

Um ou mais artistas foram escolhidos para cada tema, para reinterpretar as pessoas e colocar a Divina Comédia de Dante por meio de suas obras. 

Desta forma, a exposição é uma experiência verdadeiramente artística de Dante e de sua obra, assim como Sacral, que nos conecta com o interior de forma poética, permitindo uma interpretação da conexão da obra com o poeta fiorentino. 

Ravenna
Sacral, Edoardo Tresoldi (Imagem cortesia: Edoardo Tresoldi)
Ravenna
Sacral, Edoardo Tresoldi (Imagem cortesia: Edoardo Tresoldi)

Gostaram do post? 

Somos fãs dos projetos do artista, que sempre se conectam e respeitam os locais onde estão inseridos, criando incríveis contrastes entre arquitetura, arte e paisagens.

Para conferir outros trabalhos do artista, acesse: 

Simbiosi
Opera

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *