Menu
Projetos e Obras
Busca

Conteúdo Arquitetura

Projetos para a terceira idade merecem atenção especial

02/01/2019

Segurança e conforto nos projetos feitos para as pessoas que ‘entram na terceira idade’ é um assunto cada vez mais discutido entre arquitetos, engenheiros e designers. O Archtrends traz algumas orientações simples que podem auxiliar nesse trabalho.

Em tempos onde a expectativa de vida está cada vez maior, pensar em projetos residenciais voltados para a terceira idade é extremamente importante. Homens e mulheres estão se preocupando mais com a alimentação e com a prática de exercícios físicos, resultado disso, qualidade de vida e longevidade. A última pesquisa divulgada pelo IBGE, mostra que para as mulheres catarinenses, por exemplo,  a previsão é 82,4 anos e para os homens 75,8 anos. Assim como vimos o funcionamento das coisas se adaptarem a esse público, algumas precauções também devem ser tomadas em relação a moradia. Porque a casa deve se adaptar ao dono e não o contrário. Pensar a longo prazo, como a construção de corredores mais amplos e rampas de acesso, por exemplo, a instalação de louças e metais de fácil manuseio no banheiro, ou ainda, a aplicação de revestimentos menos escorregadios, auxiliam a convivência dos ‘idosos’, e previnem acidentes. Imaginar sua casa a longo prazo é importante, para garantir o conforto e a autonomia.

Alguns cuidados, como o uso de rampas, são importantes para facilitar a acessibilidade

Revestimentos

Uma das primeiras orientações é a instalação de revestimentos adequados. A Portobello possui inúmeros modelos com tamanhos, texturas e cores variadas, que além de levar beleza ao ambiente, vão auxiliar na prevenção de acidentes. Com o passar do tempo, a locomoção dos idosos fica limitada, e lembrar disso é essencial.

Há revestimentos específicos para serem aplicados em ambientes como a cozinha e banheiro, por possuírem maior contato com a água, e o indicado são os que possuem a sigla Natural. Nas áreas externas, como garagens e espaços de lazer, os porcelanatos com a sigla EXT são os recomendados.

Uma ótima opção é o porcelanato Pietra Lombarda que foi usado nas áreas internas e externas, no projeto do arquiteto Léo Maia, na CASACOR Paraíba

Louças e Metais

A limitação que a idade traz acontece mais cedo ou mais tarde. Algumas armadilhas são invisíveis aos olhos, por isso devemos estar atentos. No momento do banho, por exemplo, os escorregões podem acontecer com mais facilidade. Mas você pode evitar esses problemas tomando alguns cuidados.

1/ Instalar barras de ferro dentro do box auxilia o equilíbrio e torna a higiene diária mais simples;

2/ Colocar um adaptador de assento, que vai elevar a bacia sanitária;

3/ As louças e metais devem ser de fácil manuseio, para abrir e fechar com facilidade;

4/ E, por fim, uma orientação mais específica. Pensar na locomoção a longo prazo. Deixar espaço maior entre os elementos, para que o idoso possa ter acesso facilitado com a cadeira de rodas, por exemplo.

A Officina Portobello possui uma linha completa de adequada para personalizar os projetos e proporcionar maior conforto

Iluminação

Com o passar dos anos, aumenta a probabilidade de debilitar a visão. É importante lembrar disso quando o assunto é iluminação dos ambientes. Instalar lâmpadas e abajures em pontos estratégicos, como nas proximidades da escada, é uma proposta interessante. Outra dica especial, é reforçar a iluminação com a colocação de luminárias com sensores de movimento, o que vai facilitar a locomoção especialmente à noite.

A arquiteta Andrea Carminate usou pontos de iluminação na escada feita em porcelanato

Tapetes e mobiliário

Todo mundo sabe que os tapetes trazem um ar de aconchego aos ambientes. Mas para a população da terceira idade, é sinônimo de alerta. Com o passar dos anos a locomoção fica comprometida e o ideal é retirar todo o tipo de elemento para facilitar a segurança dos moradores e evitar as quedas. O mobiliário também deve ser pensado para auxiliar no dia a dia. Móveis, como as mesas centrais devem ter as extremidades arredondadas. Além disso, é essencial evitar todo o tipo de objeto decorativo que possa obstruir o caminho.

O arquiteto Paulo de Tarso apresenta proposta que une beleza, conforto e segurança

E você? Está preparado para o futuro? O que  faz para manter sua saúde física e mental em dia? Conte pra gente!

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *