Menu
Projetos e Obras
Busca
porcelanato retificado

O porcelanato retificado traz vantagens estéticas a todos os tipos de projetos (Projeto: Portobello S.A.)

Conteúdo Técnica

7 dúvidas sobre o uso do porcelanato retificado na arquitetura

09/11/2018

Um produto econômico, versátil e com excelente acabamento é tudo o que um arquiteto precisa para conceber espaços bonitos e funcionais. Venha descobrir o potencial do porcelanato retificado! – Atualizado em 8 de janeiro de 2021.

O mercado de revestimentos sempre traz novidades para os clientes finais e para quem trabalha com arquitetura, design e decoração. Uma delas é o porcelanato retificado.

Se preferir, clique no play abaixo para ouvir o artigo completo:

Esse tipo de porcelanato é uma solução que traz vantagens estéticas a projetos residenciais, comerciais e corporativos.

Quer saber mais sobre o porcelanato retificado? Acompanhe o artigo e esclareça as principais dúvidas que os usuários têm sobre o assunto!

1. O que é e quais são as principais características do porcelanato retificado

decoração para sala
O acabamento da borda é o que diferencia um porcelanato retificado dos demais (Projeto: Portobello S.A.)

O que diferencia o porcelanato retificado dos demais é o acabamento de borda. As peças tradicionais, conhecidas como bold, têm as extremidades levemente arredondadas e podem apresentar variações em suas dimensões.

O acabamento bold é mais natural e exige maior quantidade de rejunte para compensar possíveis irregularidades no tamanho e no formato das peças. Já um produto como o porcelanato retificado apresenta bordas mais regulares e precisas.

Isso é possível graças à maneira como o material é tratado após o processo de queima. Nesse caso, cada peça passa por uma etapa conhecida como retífica, na qual são empregados discos diamantados de vários tamanhos para desgastar as bordas do porcelanato.

O objetivo do processo é diminuir a variação dimensional das peças para que fiquem mais uniformes. Dessa forma, é possível obter placas padronizadas, que poderão ser assentadas com juntas menores e mantidas mais próximas umas das outras.

2. Quais são as principais vantagens do revestimento?

porcelanato retificado
O porcelanato retificado se destaca pela facilidade de acabamento na sua obra (Projeto: Portobello S.A.)

Quer garantir um acabamento impecável na sua obra? Você consegue com o porcelanato retificado. A borda diferenciada gera inúmeras vantagens, que representam bons motivos para investir no material. Veja abaixo os principais.

Uniformidade na instalação do porcelanato retificado

Cortes precisos e lixamento cuidadoso resultam em peças mais iguais. Isso facilita o trabalho de quem faz o assentamento do porcelanato retificado. As bordas perfeitas permitem o encaixe adequado das placas sem a necessidade de deixar um espaço muito grande entre elas.

Para você ter uma ideia, os revestimentos com acabamento tipo bold costumam ter rejuntamento de até 5 mm. Com os modelos retificados, essa distância diminui para apenas 1,5 mm — ou seja, a linha que divide as peças fica quase imperceptível.

Economia de rejunte

Essa vantagem é consequência da primeira e pode fazer diferença no orçamento da obra. Afinal, juntas com dimensões reduzidas exigem menos rejunte. Logo, é possível economizar na aquisição desse tipo de material.

Fácil manutenção

O processo de limpeza do porcelanato retificado é o mesmo dos modelos tradicionais. Porém, os cuidados com esse material são facilitados devido à espessura mínima do rejunte. 

Em outras palavras, há menos espaço livre para o acúmulo de poeira e resíduos, o que ajuda a manter o revestimento sempre impecável.

Continuidade visual

As juntas do porcelanato retificado são pouco visíveis e dão a impressão de que o piso ou a parede foi revestido com uma única peça. 

Certamente, esse efeito é muito interessante para gerar amplitude visual em espaços comerciais ou residenciais.

Aspecto clean

O visual homogêneo do porcelanato retificado passa a sensação de superfícies amplas e modernas — ideais para compor ambientes minimalistas, com referências contemporâneas ou aspecto clean.

3. Onde usar o porcelanato retificado

uso do porcelanato retificado
Ambientes diversos podem receber o porcelanato retificado, sempre proporcionando boas experiências (Projeto: Portobello S.A.)

Assim como os porcelanatos tipo bold, os modelos retificados podem receber diferentes acabamentos de superfície. Por isso, são indicados para qualquer espaço, seja ele interno ou externo, amplo ou compacto.

Veja como escolher:

  • natural: pouco escorregadio e fácil de limpar. Bom para ambientes comerciais, industriais e até para locais molhados em residências, como áreas de serviço e banheiros;
  • polido: liso e brilhante, fica escorregadio em contato com a água. Ideal para locais secos, como quartos, salas e espaços comerciais;
  • externo: áspero, apresenta alta resistência ao escorregamento. É indicado para decks de piscinas e áreas externas.

Se você tiver a atenção de adequar o acabamento superficial ao tipo de ambiente, poderá usar o porcelanato retificado em qualquer lugar. A escolha do modelo vai depender do estilo favorito do proprietário e das características do local de aplicação.

Existem peças que reproduzem concreto, metal e materiais nobres, como é o caso de algumas pedras e madeiras de várias espécies. Aplicadas em grandes formatos com borda retificada, essas estampas têm tudo para valorizar os seus projetos.

4. Quais são os principais cuidados que devem ser tomados com esse tipo de revestimento?

porcelanato retificado
Cuidados com o porcelanato retificado devem ser tomados no momento da aplicação e no dia a dia (Projeto: Portobello S.A.)

Considerando que as peças retificadas são instaladas bem próximas umas das outras, é essencial contar com mão de obra especializada nesse tipo de instalação.

O profissional escolhido deve usar niveladores de piso e ferramentas adequadas para ter sucesso no assentamento das placas, conforme veremos mais adiante.

Os cuidados pós-obra também interferem no aspecto do material e devem ser realizados corretamente, para que pisos e paredes estejam sempre em ótimas condições. 

5. Quais são as argamassas e os rejuntes mais apropriados?

argamassa para porcelanato
A Portobello disponibiliza uma linha de argamassas para todos os tipos de projeto com porcelanato retificado (Foto: Portobello)

A escolha da argamassa é muito importante para que o porcelanato retificado fique bem aderente à superfície e você possa ter beleza e segurança em sua obra. Aqui, vale lembrar, não existe nenhuma indicação específica para esse tipo de revestimento.

O indicado é que a escolha seja feita de acordo com as características da obra ou do ambiente em que o porcelanato retificado será aplicado. A Portobello tem uma linha de argamassas exclusiva, que oferece produtos que podem ser usados em projetos de todos os tipos.

A argamassa Clássica é ideal para pisos internos, desde que as peças tenham dimensões de até 190×190 cm.

Para os ambientes domésticos e locais comerciais de tráfego leve, como lojas de shopping e restaurantes, a argamassa para porcelanato retificado mais indicada é a Múltipla +.

Em áreas externas, onde o revestimento retificado terá muito contato com intempéries, como o sol e a chuva, a melhor argamassa a ser utilizada é a Superior Branca.

O uso do porcelanato retificado em piscinas, churrasqueiras e saunas, por sua vez, exige o uso da argamassa Máxima Branca.

rejunte para porcelanato
O rejunte Prime, da Portobello, é recomendado para uso em porcelanato retificado (Foto: Portobello)

Além da argamassa, é importante fazer uma escolha correta do rejunte para o porcelanato retificado. Uma opção interessante é o Prime, que conta com uma tecnologia dual mix.

Esse recurso possibilita que o assentador faça ajustes de água, melhorando a consistência do rejunte e a deixando adequada para cada tipo de situação.

6. Como fazer o assentamento do porcelanato retificado

rampa
O porcelanato retificado precisa ser bem assentado para que possa ter uma boa usabilidade (Projeto: Portobello S.A.)

O assentamento do porcelanato retificado deve ser feito da mesma maneira que é realizado com outros produtos do tipo.

Em resumo, os assentadores devem seguir os seguintes passos:

  • verificar se o ambiente está no esquadro;
  • checar se a base de assentamento tem irregularidades;
  • colocar a argamassa no contrapiso ou no reboco curado;
  • colocar a argamassa no piso, caso ele tenha dimensões acima de 30×30 cm;
  • de forma delicada, colocar a peça de porcelanato retificado no local com os cordões no mesmo sentido;
  • colocar a peça no local exato onde ela vai ficar;
  • fazer o arraste da peça em 5 cm na posição diagonal nos dois sentidos;
  • puxar a peça novamente para o local exato onde ela deve ficar;
  • limpar o excesso de argamassa colante;
  • inserir os niveladores de piso;
  • aplicar outra peça e apertar a cunha do nivelador com um alicate;
  • fazer o acabamento do assentamento com uma espátula.

Antes de fazer o assentamento, uma recomendação do fabricante é bater a argamassa no batedor elétrico e deixar a massa descansar por cerca de 10 minutos.

Além disso, é interessante fazer remisturas e nunca adicionar mais água na massa colante já preparada.

Dessa maneira, você poderá observar as reações químicas do produto, que podem variar de acordo com o clima de cada região.

7. Quais são as melhores técnicas para limpar esse tipo de porcelanato?

beleza do revestimento
Para manter a beleza do revestimento retificado, alguns cuidados devem ser empregados com a limpeza (Projeto: Portobello S.A.)

Depois que o porcelanato retificado for assentado e a argamassa estiver seca, é importante fazer a limpeza pós-obra, mas somente depois da cura final do rejuntamento.

Nesse momento, o indicado é que seja usada uma esponja umedecida em água para limpar todo o ambiente. 

O passo a passo para fazer a limpeza pós-obra é o seguinte:

  • remova os resíduos sólidos com vassoura ou aspirador;
  • limpe a superfície com uma esponja ou um pano de algodão umedecido em água limpa;
  • utilize, se necessário, detergente neutros;
  • conclua a limpeza com água em abundância e pano limpo seco.

Após essa limpeza mais pesada, a manutenção do porcelanato retificado é bastante simples. Basta limpar o revestimento periodicamente com uma solução feita com uma colher de sopa de detergente ou sabão neutro diluída em cinco litros de água.

Quando você for varrer o chão, é recomendável usar uma vassoura com cerdas macias, para não correr o risco de arranhar os porcelanatos polidos.

E então? Gostou de conhecer mais um produto para incrementar os seus projetos? Em nossas lojas você encontra vários modelos de porcelanato retificado e conta com a ajuda de profissionais especializados para acertar na escolha do produto.

Caso queira saber mais sobre o material, acesso o nosso site! Aproveite para entrar em contato, tirar dúvidas e se manter informado sobre as melhores soluções para os seus projetos.

Foto de destaque: O porcelanato retificado traz vantagens estéticas a todos os tipos de projetos (Projeto: Portobello S.A.)

6 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Jean says:

    É absudo não indicar a espessura de cada tipo de porcelanato pois quem vai preparar o contrapiso nao sabe quanto deixar de altura para nivelamento do piso !!!

    • Portobello says:

      Olá Jean!

      Na embalagem dos nossos produtos contém a informação sobre a espessura.

      Por gentileza, verifique. Se tiver alguma dúvida, entre em contato conosco!

      Abraços,
      Equipe Archtrends

  • Adriana Freire says:

    Olá
    Gostaria de saber qual o tipo de porcelanato que não é esmaltado e pode ser cortado e instalado com as laterais da peça aparente sem ter a diferença que uma peça esmaltada tem. quero fazer o revestimento de degraus de escada, onde o piso e o espelho serão revestidos e farei um corte em 45graus e unir as duas peças sem outro acabamento.
    Aguardo retorno
    Obrigada
    Adriana Freire

    • Portobello says:

      Olá, Adriana,

      Nesse caso, o que recomendamos é você ligar para um de nossos consultores de lojas para tirar todas as suas dúvidas.

      Você pode acessar aqui para ter os contatos.

      Grande abraço,
      Equipe Archtrends Portobello

    • Bruna says:

      Boa Noite, comprei porcelanato Retificado clase A eu gostari de saber se posso usar ele no chão e na parede do banheiro ??

      • Portobello says:

        Olá, Bruna,

        É muito importante observar o tipo de acabamento superficial do seu porcelanato e o atrito da peça. O atrito determina a resistência ao escorregamento, e em banheiros com chuveiros não podemos ter atrito menor que 0,4, deve ser maior ou igual a 0,4.
        Este atrito é comumente encontrado nos porcelanatos com acabamento natural da Portobello, porém como toda regra tem exceções, temos alguns produtos NAT com atrito menor.
        O laudo de produto é facilmente encontrado no nosso site, ao acessar o revestimento escolhido.

        Grande abraço,
        Equipe Archtrends Portobello