Menu
Projetos e Obras
Busca

Conteúdo Arquitetura com opinião

Paixão pela gastronomia se transforma em oportunidade de trabalho para amigas

24/10/2018

Com apenas dois anos de existência, o escritório 3P Studio, das arquitetas Natália Moneró Prates e Aline Pires, reúne experiência de sobra. Especialistas em arquitetura e iluminação, as profissionais compartilham com a técnica em edificações e fotógrafa, Julia Prado, o gosto pela boa gastronomia e o prazer da criação arquitetônica. O Archtrends foi conferir alguns projetos que mostram a sintonia entre trabalho e diversão. Acompanhe!

Fãs da arte e da boa gastronomia, curiosas e observadoras, as amigas Natália Moneró, Aline Pires e Julia Prado jamais imaginariam que os encontros despretensiosos para jantar iriam resultar em uma oportunidade de trabalho. “Sempre gostamos de desbravar novos lugares, mas sentíamos dificuldade em saber informações sobre os restaurantes e bares mais legais. Foi aí que surgiu a ideia da Deleite-se”, explica Natália.

A Deleite-se é uma revista criada com a proposta de divulgar a história do local, do empreendedor, ressaltar detalhes da decoração e arquitetura. “Fazíamos imagens incríveis dos lugares e os proprietários começaram a contratar nossos serviços de fotografia. Em meio às conversas, acabavam sabendo da nossa formação em arquitetura e a demanda de projetos para o escritório surgiu”, conta Natália. Ela ainda faz questão de enfatizar que a Revista Deleite-se foi o pontapé inicial para a criação do escritório de arquitetura 3P Studio.

Inicialmente, a revista on-line foi criada em formato de blog (www.revistadeleitese.com) com perfil no Instagram (@revistadeleitese). Mas, no ano passado, surgiu o lançamento da primeira edição impressa. “São matérias sobre empreendedorismo, espaços gastronômicos, fornecedores e ideias. A revista é distribuída gratuitamente. A ideia é criar uma rede de contatos e ganhar espaço no setor, abrindo caminho para futuros clientes”, explica Aline.

A Deleite-se surgiu em 2015 com o objetivo de trazer conteúdo de qualidade sobre espaços gastronômicos

Arquitetura gastronômica

Após um ano de revista, elas mergulharam de cabeça no projeto 3P Studio. Com um estilo particular de trabalho, o foco é nos ambientes comerciais dedicados à gastronomia. Para as sócias, o sucesso de um restaurante está no desenvolvimento multidisciplinar para promover ao cliente a melhor experiência gastronômica. Por isso, a importância de um bom projeto. Porque além da comida de qualidade, um ambiente agradável e aconchegante é essencial.

Um projeto de destaque é exatamente o local onde o escritório está inserido: A Fábrica Working Bar. Um espaço que une trabalho e lazer. No andar térreo, durante o dia, funciona um café e, a noite, um bar com 12 torneiras de cerveja artesanal com sistema de autosserviço (revestido com produtos Portobello). Na área superior, um espaço amplo com mesas de trabalho e salas de reunião, uma espécie de coworking. “Esse projeto é especial. Foi realizado para clientes que eram amigos de longa data e que acreditaram no nosso trabalho. Vestimos a camisa e passamos o verão ‘morando’ na obra para que tudo desse certo. Esse projeto nos colocou no TOP 100 Kaza deste ano”, orgulha-se Natália.

Com 335m², o local traz o conceito de flexibilidade e autoatendimento (Foto: Rafael Ribeiro)

Café e bar do coworking (Foto: Rafael Ribeiro)

Aline destaca também o projeto Cozinha Dois Mundos – com coautoria da Thiele Londero –, vencedor do concurso Archathon, em que o prêmio foi executado na CASACOR SC 2017. O desafio, uma promoção da Muuving, idealizadora do projeto, em parceria com a CASACOR no mês de julho do ano passado, foi projetar 19 m² em 12 horas, com briefing detalhado e materiais obrigatórios e, ainda, defendê-lo para 10 jurados. “Depois tivemos 27 dias de obra e uma corrida incansável atrás de fornecedores e parceiros para termos o terceiro ambiente mais votado da mostra. Trouxemos nesse projeto o conceito do encontro entre o amor e a força, inspirados na história de Anita e Giuseppe Garibaldi”, completa a arquiteta.

Cozinha Dois Mundos – Projeto vencedor da maratona Archathon SC 2017 (Foto: Rafael Barbosa)

A cozinha conquistou o terceiro lugar como melhor ambiente no voto júri popular – CASACOR SC (Foto: Rafael Barbosa)

Aposta nas plataformas digitais

A experiência conquistada com a Deleite-se fez as profissionais perceberem como o marketing digital pode ser um diferencial. Pesquisas comprovam o quanto é importante manter-se ativo na internet e, principalmente, ter as informações atualizadas. As fundadoras do 3P Studio, Natália Moneró Prates e Aline Pires, contam que 70% dos clientes e 90% dos orçamentos solicitados vieram através das redes sociais. Aline esclarece que os clientes gostam de se sentir próximos, de se identificarem com os profissionais, daí a importância de mostrar um pouco da rotina, dos projetos, obras, visitas em lojas e feiras. Ou seja, mostrar que está ativo no mercado e atualizado com as novidades.

De acordo com Natália,  o 3P Studio, que também aposta no portfólio virtual do Archtrends, tem como seguidores estudantes e profissionais já formados e que o Instagram, por exemplo, serve de inspiração. Para ela, é a rede social quem dá credibilidade para o nome da empresa. É democrática e aberta. “Um futuro cliente pode até visitar um restaurante que você fez e gostar, mas ele vai entrar nas redes sociais para ver outros projetos e avaliar a opinião sobre eles”, pontua.  

Conselho para os recém-formados

A rotina do arquiteto já é apresentada dentro da faculdade. No entanto, quando se ama o que faz, se buscam engrenagens para que o processo vá se tornando mais equilibrado e dinâmico. Por isso, Aline e Natália fazem questão de deixar um recado aos jovens que estão saindo da universidade. “Não espere que a faculdade seja o seu pontapé para o mercado de trabalho. É apenas uma das tantas ferramentas que precisamos para nos tornarmos profissionais mais atuantes no mercado. Se você está pensando em seguir uma carreira logo ao sair da faculdade, procure ir atrás de conhecimentos paralelos, como marketing, administração e finanças. Entenda que ser arquiteto não é apenas projetar, você precisa de relacionamentos, vendas e, inclusive, conhecer suas obrigações legais e contábeis”, recomendam.  

E vocês? Acreditam que as redes sociais devem fazer parte do dia a dia do arquiteto? Deixe aqui a sua opinião. Até a próxima!

2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *