Menu
Projetos e Obras
Busca

Átrio principal do hotel (Imagem cortesia: Dario Garofolo)

Conteúdo Correspondentes Internacionais

25 hours: o novo hotel contemporâneo no centro histórico fiorentino

10/11/2021

Florença, a cidade berço do Renascimento, abriu as portas para um inovador projeto de arquitetura, o novo hotel 25 hours!

Que somos apaixonados por contrastes entre o antigo e o novo não é nenhuma novidade, já compartilhamos por aqui diversos projetos que se apropriam da história para criar uma mistura harmoniosa com a arquitetura moderna contemporânea. Recentemente em Florença, na capital da Toscana, um novo hotel foi inaugurado.

O equilíbrio e proporção criado para uma estrutura inserida no centro histórico da cidade, nos deixou encantados! Elaboramos para o post a seguir todos os detalhes para você se inspirar com a gente. 

Mercado e restaurante do hotel (Imagem cortesia: Dario Garofolo)
Mercado e restaurante do hotel (Imagem cortesia: Dario Garofolo)

Irreverente, inteligente, autêntica e sempre com um design que possui uma história envolvente, a rede de hotéis 25 hours estreia na Itália com um hotel de mais de 170 quartos no coração de Florença. A estrutura recém-inaugurada, revela os ousados interiores da Paola Navone e do escritório de arquitetura Genius Loci. 

Bar do hotel (Imagem cortesia: Dario Garofolo)

O novo hotel ocupa a área do edifício abandonado no Monte di Pietà (antigo convento de San Paolino), são cerca de 10.750 metros quadrados sem uso há mais de uma década. 

O estúdio de arquitetura foi contratado para redesenhar os três edifícios existentes, integrando-os em um único complexo, uma obra de requalificação destinada a consertar a relação com o tecido urbano circundante.

Pátio interno do hotel (Imagem cortesia: Dario Garofolo)

Uma das características mais interessantes do projeto foi a demolição controlada de mais de 4.500 metros quadrados de edifícios decadentes, uma delicada intervenção a ser administrada em uma área patrimonial da UNESCO, como o centro histórico de Florença. 

O novo hotel 25 hours, no que podemos definir uma continuação do Bikini Hotel de Berlim, recupera e renova um dos maiores vazios urbanos da capital toscana.

Restaurante e bar do hotel (Imagem cortesia: Dario Garofolo)

Paola Navone, com seu estilo em constante mudança, mas inconfundível, deu vida ao projeto interno com uma interpretação “fresca” da história. Em sua narrativa estética de fato, ele celebra as andanças do poeta Dante Alighieri em sua obra mais famosa, A Divina Comédia.

Átrio principal do hotel (Imagem cortesia: Dario Garofolo)

O pavimento térreo é acessível a todos. Clientes e visitantes podem sucumbir às tentações culinárias de I Golosi, uma referência óbvia ao círculo de Dante que, no seu percurso gastronômico, condenará qualquer pessoa para a eternidade, com opções de pratos típicos toscanos, vinhos e um mercado com produtos frescos locais. 

Restaurante do (Imagem cortesia: Dario Garofolo)

A estrutura do hotel possui mais de uma área de bares e restaurantes, com diferentes culinárias e estilos, os espaços estão divididos em salas conectadas entre si, espaços fechados e pátios internos, tudo isso criando uma atmosfera envolvente e moderna circundada por um átrio de vidro central – é ali onde tudo acontece.

Um dos quartos do hotel (Imagem cortesia: Dario Garofolo)

Depois de percorrer os corredores do Purgatório, apenas os hóspedes dos hotéis 25 hours de Florença poderão finalmente abrir as portas do Paraíso… ou do Inferno! 

Literatura, design e diferentes pisos, com o 25 hours hotel Florença superamos mais uma vez a barreira do pensamento comum e vizinho quanto ao uso do piso elevado na arquitetura.

Um dos quartos do hotel (Imagem cortesia: Dario Garofolo)

Gostaram do novo hotel? Nós achamos incrível a harmonização criada, trazendo um espaço inovador para a cidade que é berço do Renascimento. Com certeza os arquitetos e designers responsáveis conseguiram criar uma nova atmosfera seguindo um conceito característico para Florença.

Para conferir outros exemplos de arquiteturas que se camuflam entre o antigo e o novo, acesse:

Nenhum comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *