Menu
Projetos e Obras
Busca

Conteúdo Matérias

Design italiano: a singularidade dos profissionais de vanguarda

13/10/2017

O reconhecimento mundial ao design italiano é atribuída à sua forma, à sua individualidade e ao seu sentido estético. Neste post, Luiza Vegini apresenta uma seleção de grandes nomes e peças icônicas do design italiano. Confira!

Nos anos 50, a Itália se tornou líder mundial em design. Os especialistas italianos começaram a usar novos materiais, como plásticos, acrílicos e borracha, atribuindo uma variedade estética maior aos produtos.

Com formas orgânicas, era possível juntar funcionalidade e beleza, transformando os objetos em “acessórios de moda” e mantendo a produção em massa usando técnicas modernas.

Foi nesse mesmo momento que aconteceu o surgimento de grandes empresas e criações. Carros, lâmpadas, cadeiras, Vespa e máquinas de escrever: sempre dotados de particularidades, todos esses itens influenciaram a época e continuam a inspirar atualmente.

Isso trouxe um reconhecimento mundial ao design italiano. A facilidade de distingui-lo dos demais estilos no mundo é atribuída à sua forma, à sua individualidade e ao seu sentido estético.

Observando essa extraordinária história e o acúmulo de grandes nomes e peças icônicas ao longo dos anos, elaborei uma seleção de mestres italianos que fizeram sucesso para compartilhar com você. Confira abaixo!

Joe Colombo: futurismo e inovação

Joe Colombo estava à frente do seu tempo, sempre buscando prever as necessidades de uma sociedade futura e procurando criar novas teorias e outros usos para os materiais.

Com peças de forma nada convencional, o design de Colombo pode ser facilmente inserido em qualquer ambiente atual.

Lounge chair tubo – Elda chair – KD29 Table Lamp – Roll Armchair

Lounge chair tubo – Elda chair – KD29 Table Lamp – Roll Armchair

Gio Ponti: valorização de um alto dom artístico

Quando jovem, Gio Ponti trabalhou em uma empresa de cerâmica italiana, o que incentivou seu lado artístico para seguir carreira na arquitetura e no design.

Defendendo a valorização das peças de mobiliário pensadas para cada ambiente em específico, Ponti sempre usava os móveis como instrumentos de projetos de interiores, operando mais com a criação do quem com a razão.

969 CHAIR – 699 CHAIR – D.655.2

969 CHAIR – 699 CHAIR – D.655.2

Carlo Scarpa: os detalhes que fazem a diferença

Carlo Scarpa era extremamente atento aos detalhes e à combinação de diversos materiais. O arquiteto era capaz de encontrar o equilíbrio entre luz, cenário, painéis, espaços e obras, mesmo nos museus mais complexos e imponentes.

Um verdadeiro mestre em projetar exposições de arte, ele teve também grande reconhecimento com seus desenhos de mobiliário, sempre sutis e naturais, sem recorrer ao chamativo e artificial.

SHOWROOM GAVINA – TOMBA BRION – CARLO SCARPA QUATUOR TABLE – CHAIR MODEL 765

SHOWROOM GAVINA – TOMBA BRION – CARLO SCARPA QUATUOR TABLE – CHAIR MODEL 765

Carlo Mollino: design movido pelas curvas

Carlo Mollino era artista, arquiteto e designer surrealista. Sempre buscou criar com traços fortes, complexos, tecnologia industrial e expressões artísticas.

Seus móveis, inspirados nas formas humanas e na natureza, apresentam traços orgânicos que dão uma sensação de movimento no espaço.

Coffee table, model #1114 – Desk from Reale Mutua Assicurazioni – Carlo Mollino From the exhibition "Italy at Work" – Carlo Mollino For Mollino's — Carlo Mollino Casa Editrice Lattes publishing house

Coffee table, model #1114 – Desk from Reale Mutua Assicurazioni – Carlo Mollino From the exhibition “Italy at Work” – Carlo Mollino For Mollino’s — Carlo Mollino Casa Editrice Lattes publishing house

Achille Castiglioni: formas diferentes do habitual

Nomeado como herói do design italiano, até hoje algumas das suas peças seguem em produção. Alcançando a harmonia com um design sofisticado e ao mesmo tempo puro, Achille Castiglioni teve seu auge com as luminárias desenvolvidas para a empresa italiana Flos, que ainda hoje são objetos de desejo no mundo inteiro.

''PRIMATE'’ CHAIR – TACCIA LAMP – SANCARLO ARMCHAIR – ARCO LAMP

”PRIMATE’’ CHAIR – TACCIA LAMP – SANCARLO ARMCHAIR – ARCO LAMP

Memphis: libertação do design

Memphis foi um grupo formado por reconhecidos arquitetos e designers italianos no final dos anos 70. Com muita ousadia estética e uso de cores vivas, eles foram considerados o Woodstock do design, sendo precursores do estilo pós-moderno.

“Carlton” Ettore Sottsass – “Bel Air” Peter Shire – “First” Michele De Lucchi

“Carlton” Ettore Sottsass – “Bel Air” Peter Shire – “First” Michele De Lucchi

Mesmo em meio a algumas crises e à globalização atual, o design italiano nunca perdeu a sua essência e ainda hoje permanece na vanguarda. É importante reconhecer todas essas criações, que serviram de inspiração para todos nós ao longo dos anos.

Parte da história que jamais será esquecida, essa foi a seleção significativa que decidi resgatar para compartilhar, reconhecendo os grandes ensinamentos que foram deixados, com diversos estilos, formas e teorias.

8 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *