Menu
Projetos e Obras
Busca

Conteúdo Matérias

Casa na árvore também é lugar de adultos. Veja por quê!

20/08/2018

Adoradas por crianças de todas as idades, as casas em árvores são espaços perfeitos para brincar e cultivar a imaginação. Aqueles que cresceram sem realizar esse desejo podem encontrar soluções em projetos específicos para o público adulto. Venha conferir mais essa tendência!

Muitas pessoas deixam de lado o sonho de ter uma casa na árvore assim que a infância termina. Não é o caso de Foster Huntington, que trocou a vida na cidade para morar em uma estrutura instalada entre folhas e galhos. O jovem, que trabalhava em Nova York, diz que não deixaria o novo lar pela loucura das áreas urbanizadas.

Mas Huntington não está sozinho. Afinal, as gerações nascidas nos anos 50, 60 e 70 com certeza se lembram bem desse sonho de criança. A diferença é que, em décadas passadas, tudo era rústico e feito de modo improvisado, ou seja, com pouco planejamento e quase nenhuma técnica que garantisse a durabilidade da construção.

Hoje há profissionais e empresas de arquitetura que são especializados em desenvolver projetos de casas na árvore. É uma ótima notícia para quem já cresceu mas ainda deseja ter seu próprio refúgio acima do solo.

E você? Tem curiosidade em saber mais sobre essa possibilidade? Então confira este artigo especial com ideias e soluções inovadoras!

Utilidades de uma casa na árvore

Ao contrário das crianças que vão até o espaço exclusivamente para brincar, os adultos podem tirar proveito da casa para realizar programas profissionais e atividades de lazer. Veja abaixo bons motivos para investir nesse tipo de projeto!

Curtir feriados ou fins de semana

Muitas famílias procuram lugares diferentes para curtir os períodos de folga, e um ambiente próximo da natureza costuma funcionar. Nesses casos, a casa na árvore se torna o lugar ideal para momentos de descanso e relaxamento.

Receber amigos para confraternizar

Outra utilidade interessante é aproveitar o local para realizar festas e confraternizações. Assim como as crianças, os adultos também gostam de ter um espaço para receber os amigos com conforto e variedade de lazer. 

Trabalhar em projetos pessoais

Quem não tem home office ou precisa de um ambiente silencioso para tirar projetos pessoais do papel pode encontrar na casa da árvore o refúgio perfeito para planejar, refletir e trabalhar com tranquilidade.

Morar (só ou com a família)

Para os mais ousados, é possível transformar uma casa na árvore em moradia permanente. É importante contar com áreas maiores, personalizar os ambientes e instalar os equipamentos necessários para viver com conforto e segurança.

Planejamento e construção do projeto

Pensar em uma casa erguida sobre galhos exige planejamento e atenção a detalhes que costumam nortear a execução de qualquer obra. Neste tópico, listamos os fatores que devem ser considerados antes de compor esse tipo de projeto que, além de inovador, também é um belo exemplo de arquitetura lúdica. Confira.

Características da árvore

Quem tem uma árvore grande no quintal (nativa ou exótica) pode aproveitá-la como base. Existem espécies mais adequadas para esse tipo de projeto, como eucalipto, pinheiro, carvalho e figueira. Antes de fazer a escolha, certifique-se de que o tronco tem pelo menos 80cm de diâmetro e evite árvores presentes em área declivosa.

A saúde da planta também é importante para prevenir quedas e garantir a segurança das pessoas. Se tiver dúvidas, consulte um agrônomo, biólogo ou engenheiro florestal. Por fim, anote detalhes relevantes como tamanho da copa, altura total, espessura, ângulo e direção de crescimento dos galhos.

Relação interior/exterior

É fácil integrar uma casa na árvore ao entorno, mas nem por isso ela precisa estar totalmente fechada ou isolada. Para manter uma relação mais harmônica entre área externa e interna, é interessante pensar em soluções que garantam continuidade visual.

Um bom exemplo está na utilização do vidro nas aberturas ou em uma parede da casa. Assim, quem está dentro pode visualizar quem está fora e vice-versa. Na necessidade de maior privacidade, basta instalar cortinas ou venezianas nas janelas.

Há a alternativa de incluir pequenas sacadas ou decks com guarda-corpo nas fachadas. Esses elementos adicionam volume e fazem a transição interior/exterior de maneira discreta, mas devem ter uma folga em torno do caule para permitir que a árvore continue crescendo.

Estilo da casa

A variedade de estilos para trabalhar com projetos de casas na árvore é infinita. Isso porque cada espécie tem características específicas que podem servir como ponto de partida na definição do design, tamanho e formato da construção.

Nessa etapa, é preciso determinar se a casa vai abraçar a árvore, ou o contrário. Se a obra vai ficar apoiada sobre os galhos ou totalmente integrada a eles. Muitos projetos, inclusive, combinam a casa com estruturas de passarelas e mirantes. Outra opção interessante é fazer com que um ou mais troncos atravessem o interior do refúgio.

Materiais e técnicas construtivas

Acabamentos pesados, como o de alvenaria, não são os mais indicados para a construção de casas em árvores. É por isso que muitos projetos contêm estrutura e detalhes em madeira, que pode ser de lei, reflorestamento ou demolição. Para a fixação dos componentes (geralmente feitos com peroba, pinho ou cumaru), os pregos galvanizados e parafusos zincados são ideais.

Tudo deve passar por tratamento especial para que não deteriore em contato com as intempéries. O autoclave é um processo interessante, já que permite impregnar a madeira com produtos inseticidas e fungicidas. Depois, camadas de impermeabilizante em verniz devem ser aplicadas nas peças e reaplicadas como manutenção anual.

Na cobertura da casa, vale apostar em telhas impermeáveis e resistentes, que suportem o peso de uma pessoa para realizar a limpeza da calha/água-furtada — evitando, assim, acúmulo de sujeira e problemas com infiltração. Elas também devem ter um sistema de vedação nos pontos de encontro com galhos para que não interfiram no crescimento da árvore.

O público adulto ainda pode querer maior comodidade com instalação elétrica e hidráulica no projeto. Nesses casos, é possível incluir uma caixa d’água, conduítes para a rede de energia e até banheiro (tradicional ou seco).

O acompanhamento de um arquiteto ou engenheiro é essencial em cada fase e no planejamento dos elementos. Além de cumprirem as etapas com maestria, esses profissionais vão determinar as melhores técnicas construtivas, tipos de acabamento e revestimentos etc.

Obras para apreciar e se inspirar

Com boas referências, é possível obter ideias para conceber diferentes tipos de obras, desde uma simples cabana rústica até uma casa na árvore de luxo. Pensando nisso, selecionamos alguns dos projetos mais inovadores espalhados pelo mundo para você se inspirar ou simplesmente apreciar!

Free Spirits Spheres — Vancouver, Canadá

Idealizado por Tom Chudleigh, o hotel conhecido como Free Spirit Spheres é composto por diversas esferas fabricadas em madeira, metal, plástico e fibra de vidro. Sustentadas por cordas, as esferas parecem flutuar em meio às árvores de uma grande floresta, o que proporciona experiências únicas aos hóspedes.

The Spheres — Seattle, EUA

A Amazon também se inspirou nas esferas para criar seu projeto de Casas de árvore. Não se trata de uma construção sobre copas e caules, mas de três grandes estufas que abrigam escritórios para funcionários. Entre os ambientes, é possível visualizar espécies variadas e paredes compostas por trepadeiras.

Tree Hotel — Harads, Suécia

Projetado pelo escritório Tham & Videgard Arkitekter, o Tree Hotel tem suítes em formato de cubo que são difíceis de encontrar entre as árvores. Isso acontece por causa da superfície espelhada que reveste todas as fachadas da construção. 

Yellow Treehouse Restaurant — Warkworth, Nova Zelândia

O estabelecimento encanta no primeiro olhar: trata-se de um espaço construído em torno de um enorme pinheiro. Do escritório Pacific Environments, o Yellow Treehouse Restaurant funciona como delivery e abriga até 18 pessoas. O fechamento vazado permite ao cliente enxergar a área externa e ter uma vista surpreendente do horizonte.

The Sustainability Treehouse — Mount Hope, EUA

Projetada pelo escritório Mithun, a obra é um espaço educacional que instrui os visitantes sobre o conceito de ecologia e edifícios sustentáveis. A estrutura em aço corten chama a atenção e contrasta com a natureza do entorno. Para conectar os ambientes instalados entre a vegetação, o The Sustainability Treehouse traz várias escadas iluminadas.

São muitas referências para refletir e colocar em prática, não é mesmo? Portanto, esperamos que você tire proveito das informações e descubra que construir casa na árvore para adultos também pode ser uma excelente ideia.

Agora, que tal levar este conteúdo a outros interessados? Faça isso divulgando as dicas e compartilhando o texto em suas redes sociais. Até a próxima!

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *