Menu
Projetos e Obras
Busca

Conteúdo Correspondentes Internacionais

Em Barcelona, não esqueça de olhar para cima!

10/05/2021

Em tempos de pandemia, dá para conhecer a arquitetura de Barcelona caminhando pelas ruas da cidade e descobrir lugares mágicos.

Não há nada mais agradável que caminhar pelas ruas da capital da Catalunha. Perder-se nas ruelas antigas e descobrir lugares mágicos. A cidade está cheia de edifícios históricos e patrimônios culturais. Portanto, nunca se esqueça de olhar para cima para conferir essas obras-primas da arquitetura de Barcelona.

O sucesso da arquitetura de Barcelona não se deve somente ao Gaudí, mas também pela variedade de edifícios esculturais, novos e antigos, de diferentes épocas da história e diversas manifestações arquitetônicas. A maioria dos edifícios são tradicionais da arquitetura gótica catalã, porém também observamos uma série de edifícios vindos do modernismo, curvas e inspirações na natureza enquadrando-se na manifestação Art Nouveau e também edifícios ultracontemporâneos, que são resultado de que a cidade está em constante evolução.

Arquitetura de Barcelona

Fachadas da arquitetura gótica pela cidade de Barcelona (Foto: Barbara Cassou)

arquitetura de Barcelona

Fachada da La Pedrera projetada por Gaudi (Foto: Barbara Cassou)

Os mais famosos edifícios, que são pontos turísticos e patrimônios culturais da cidade, foram projetados por Antoni Gaudí, como a famosa Sagrada Família, a Casa Batlló e a La Pedrera. Porém, observamos também vários outros edifícios icônicos pelas principais ruas da cidade: Diagonal, Gran Via e Passeig de Gracia.

Especialmente a quadra onde está localizada a Casa Batlló, chama-se “La Manzana de la discordia” (manzana significa quadra em espanhol). Trata-se de um conjunto de casas na rua Passeig de Garcia (entre as ruas Concell de Cent e Aragó) reconhecidas internacionalmente pelas suas arquiteturas vindas do modernismo catalão. A quadra possui este nome por causa da rivalidade entre os arquitetos que projetaram os edifícios ali. Eles pertenciam a famílias muito ricas que contratavam jovens arquitetos para projetar casas especiais, uma delas é a Casa Batlló, projetada por Antoni Gaudi.

Arquitetura de Barcelona

Fachada da Cada Lleó Morera e Casa Batlló, localizadas na “Manzana de la discórdia” (Foto: Barbara Cassou)

Já no Bairro Gótico, os edifícios são mais antigos, em tons escuros e ruas apertadas. A cidade nasceu nesta região, sendo considerada, portanto, a parte mais antiga da arquitetura de Barcelona ainda preservada.

Na Gran Via, grande rua que corta a cidade de lado a lado é possível ver a variedade de edifícios de diferentes épocas através das fachadas, algumas contendo vitrais modernos e geométricos, outros incluindo curvas Art Nouveau, alguns contendo traços neoclássicos e outros completamente góticos.

Arquitetura de Barcelona

Traços da Art Nouveau e sacadas de todos os tipos estão presentes nas fachadas pela cidade (Foto: Barbara Cassou) 

Os contemporâneos na arquitetura de Barcelona

Já o Poblenou, um bairro mais industrial e novo da cidade, abriga uma variedade de edifícios mais contemporâneos e icônicos. Abusam de cores, tecnologias de construções atuais, luzes e formas inusitadas.

Arquitetura de Barcelona

Fachadas contemporâneas de Barcelona. A primeira projetada por Toyo Ito e a segunda por CDB Arquitectura (Foto: Barbara Cassou)

Diferentes cores, formas, sejam elas orgânicas ou geométricas, mistura de materiais, ornamentos, decorações, e os mais diversos tipos de sacadas fazem da arquitetura da cidade uma mescla única.

Arquitetura de Barcelona

Vidros retos ou trabalhados fazem as composições das fachadas de Barcelona (Foto: Barbara Cassou)

A arquitetura de Barcelona é muito mais que somente os edifícios de Gaudí. É uma mescla de diferentes tempos, manifestações artísticas e arquitetônicas que estão em constante evolução. É uma cidade que guarda e mantém sua história e arquitetura passada a sete chaves, porém não deixa de inovar e projetar uma arquitetura contemporânea atual. Ambas em perfeita harmonia.

Portanto, para os amantes da arquitetura: ao perder-se pelas ruas de Barcelona, não esqueça de olhar para cima! Você terá uma aula ao vivo sobre história da arquitetura.

1 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *