Menu
Projetos e Obras
Busca

Sala de Banho do Ceramista, por Marcelo Diniz Arquitetos (Foto: Roger Dipold / Portobello)

Conteúdo Entrevistas

Arquitetos no 220v

30/12/2020

Apaixonados por arquitetura, Marcelo Diniz e Mateus Finzeto trabalham incansavelmente, se destacando em mostras de decoração e acumulando projetos em todo Brasil.

De Franca, município de porte médio no interior de São Paulo, para uma projeção nacional. Nos últimos anos, Marcelo Diniz Arquitetos Associados acumulou prestígio. As participações em diversas edições da mostra de decoração CASACOR são responsáveis por tornar o escritório popular no mundo da arquitetura e também entre o público em geral.

Os arquitetos Marcelo Diniz e Mateus Finzeto (Foto: divulgação)

Marcelo Diniz participou da CASACOR Franca, em 2017, com o Espaço de Receber da Chef de Cozinha; do Janelas CASACOR SP, em 2020, com a Sala de Banho do Ceramista; e da CASACOR SP, em 2018, com o Banheiro Público, e, em 2019, com o Bar do Relógio. Este último projeto foi vencedor da categoria Melhor Espaço Comercial em Funcionamento do Prêmio CASA, que identifica os melhores ambientes da maior mostra de decoração das Américas.

Bar do Relógio, ambiente de Marcelo Diniz Arquitetos Associados na CASACOR SP 2019 (Foto: divulgação)

“A CASACOR dá uma visibilidade muito grande ao escritório de arquitetura”, afirma Marcelo. Com exceção do Janelas CASACOR, que não tinha como objetivo principal a visita presencial, ele sempre busca fazer ambientes funcionais na mostra. “Você com certeza tomou um drink no Bar do Relógio no ano passado. Foi uma experiência diferente para você, o espaço foi cenário de um momento seu. É diferente de passar por vários ambientes e no final nem lembrar do que viu”, considera o arquiteto.

Marcelo Diniz e Mateus Finzeto fazem parte do elenco CASACOR. O Bar do Relógio foi reconhecido como o Melhor Espaço Comercial em Funcionamento na CASACOR SP 2019 (Foto: divulgação)

Marcelo Diniz tem como sócio o também arquiteto Mateus Finzeto. E os dois se conheceram, justamente, em uma mostra de decoração, a Franca Decor, em 2007. “Eu estava no primeiro ano de faculdade e fui visitar a mostra, já querendo fazer contatos para estágio. Conheci o Marcelo e os dois ambientes assinados por ele foram os meus preferidos. Três anos depois, Marcelo ligou me chamando para uma entrevista de estágio”, relembra Mateus.

Evoluir de estagiário para sócio exigiu muita dedicação, mas também foi resultado de uma sintonia natural. “Eu sempre fui ligado no 220. Mateus chegou numa voltagem de 330. Trabalhamos à noite, aos finais de semana”, revela Marcelo. Hoje, as vidas pessoais e profissionais da dupla já se confundem. “Nossa relação é de irmãos. Desabafamos, choramos e comemoramos os momentos felizes”, continua Marcelo.

Projeto com Neotropical Grey Mix e Posto 10, da linha Ipanema, de Oskar Metsavaht para a Portobello (Imagem: divulgação)

No momento, o escritório Marcelo Diniz está à frente de 50 projetos. A equipe é formada por cinco profissionais e está crescendo. A concepção dos projetos sempre é feita pela dupla de sócios. Para as outras atividades, eles se dividem: Marcelo fica na parte de captação de clientes, marketing, relacionamento e especificação, enquanto Mateus cuida de equipe, operacional, documentação, detalhamento técnico e contratos. 

Localizada em Ipanema, a cobertura terá revestimentos da linha de mesmo nome da Portobello (Imagem: divulgação)

Um dos projetos em desenvolvimento fica no Rio de Janeiro e foi captado, justamente, por meio da CASACOR. A cobertura em Ipanema será toda revestida pela linha de mesmo nome da Portobello, assinada por Oskar Metsavaht. “Após nos conhecer na mostra, os clientes perguntaram qual era nossa relação com a arquitetura. Respondemos que gostávamos muito de materiais sustentáveis, como os da Portobello”, relembra Marcelo. Os potenciais clientes foram, então, à Portobello Shop Ipanema. Acabaram realmente fechando o projeto de arquitetura e os revestimentos. “Percebemos que, para nós, como arquitetos, falar sobre Portobello traz credibilidade”, elogia Marcelo.

Projeto de Marcelo Diniz Arquitetos Associados em Ipanema, no Rio de Janeiro (Imagem: divulgação)

Outro projeto que leva Portobello, esse já finalizado, foi a reforma de uma fazenda. Os proprietários vivem no interior e têm filhos adultos na cidade de São Paulo. Todos moram em apartamentos. “Os filhos estavam deixando de visitar os pais porque não queriam ficar presos. Foi aí que os pais tiveram a sacada de uma fazenda com várias possibilidades de diversão: cavalos, represa para pescaria, piscina, deque. Hoje os filhos saem de São Paulo e vão direto para a fazenda, trazem amigos”, conta Marcelo. 

A casa original da fazenda teve sua estrutura mantida. “Temos a visão de dar continuidade, não apagar o passado”, explica Marcelo. Como fica em um terreno em declive, a ela se adicionou uma estrutura metálica, uma espécie de palafita, criando um deque, com piscina com fundo infinito e vista para o vale. Na decoração, Concretíssyma, da Portobello, se mistura a madeira de demolição. Nos banheiros, as paredes são revestidas de Liverpool White e as bancadas de Pietra Lombarda. Em vez de armários, prateleiras e cestarias.

Moodboard para a Portobello, com a linha Casablanca (Imagem: divulgação)

“É um projeto que não quer ser nada, mas acaba sendo muito interessante. A Portobello também é assim, despretensiosa. O luxo da Portobello não tem glamour”, acredita Marcelo. Ele ainda elogia as possibilidades de composições entre materiais. “Parece que tudo combina com tudo, é muito gostoso especificar na loja”, diz. Inclusive, a dupla ganhou um concurso de moodboards da Portobello Shop Franca. Com o Casablanca, criaram uma composição inspirada na casa de Yves St Laurent no Marrocos.

Quarto de bebê por Marcelo Diniz Arquitetos Associados, com painel Casablanca (Foto: divulgação)

Casablanca também decora o quarto da filha de Marcelo, uma bebê de 5 meses. “As pessoas tendem a achar que azulejo é só para área molhada, banheiro, cozinha. Mas queremos desmistificar”, afirma o arquiteto e pai. O painel de 1,30m por 1,30m se tornou uma obra de arte no quarto. 

Lastra Calacatta Puro no ambiente de Marcelo Diniz Arquitetos Associados para Janelas CASACOR SP (Foto: Roger Dipold / Portobello)

Dos azulejos aos formatos gigantes, a dupla utilizou as Lastras Calacatta Puro Chain na Sala de Banho do Ceramista do Janelas CASACOR. Adaptada à pandemia, a mostra distribuiu pela cidade de São Paulo containers com vitrines de vidro, com ambientes assinados pelos profissionais de arquitetura do elenco CASACOR. As Lastras de 120×260 cobriram a altura das paredes sem emendas e até a largura da meia parede que separa a bancada molhada da estante para a secagem das cerâmicas. O ambiente foi pensado para uma pessoa que, durante o isolamento social, passou a usar o banheiro também como ateliê.

A Sala de Banho do Ceramista, de Marcelo Diniz Arquitetos Associados, conta com Calacatta Puro Chain e Ms Barcelona Cristal, da Portobello (Foto: Roger Dipold / Portobello)

A dupla está ansiosa para trabalhar mais com as Lastras Portobello e considera fazer uma bancada de grandes dimensões para a CASACOR SP 2021. Como a mostra não pode ser realizada esse ano, eles estão planejando para o próximo um espaço de eventos, para receber os saudosos coquetéis. Será mais um ambiente funcional de grande destaque.

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *