Menu
Projetos e Obras
Busca
natureza e arquitetura contemporânea

(Foto: Barbara Cassou)

Conteúdo Colunistas

Six Senses Botanique mistura estilo rústico do campo com arquitetura contemporânea

10/06/2022

Botanique é o primeiro e único hotel Six Senses do Brasil. Conheça mais sobre sua arquitetura e experiência de luxo

Six Senses Botanique, em Campos do Jordão (SP), é o único hotel do grupo Six Senses no Brasil. Mescla arquitetura, natureza, gastronomia e experiência em um só lugar. 

Com várias locações no mundo inteiro, a rede Six Senses é famosa quando se trata de hotéis, resorts e spa de luxo. Seu lema é deixar que os hóspedes se reconectem e explorem o que realmente importa mental, física, espiritual e emocionalmente no conforto de suas locações. Hospitalidade não é somente um lugar para ficar, e sim toda a experiência que a envolve. 

natureza se integra com a arquitetura contemporânea
A natureza se integra com a arquitetura contemporânea do Six Senses Botanique (Foto: Bárbara Cassou)

Assim, o brasileiro Botanique foi considerado para unir-se ao conceito Six Senses. Localizado na junção de três vales de rio, cercado por uma pitoresca área montanhosa de vales e cumeiras, a 30 minutos de carro do centro de Campos do Jordão, encontra-se esse precioso oásis no campo. 

O projeto do hotel foi concebido pela arquiteta Candida Tabet. Com mais de 20 anos no mercado, com estúdio localizado em São Paulo, ela possui projetos no Brasil, Estados Unidos, Uruguai, Argentina e Líbano. 

Edifício principal do Hotel Botanique Six Senses
Edifício principal do Hotel Botanique Six Senses (Foto: Bárbara Cassou)

O briefing para a arquiteta era claro: um projeto contemporâneo, moderno e marcante. A arquitetura deveria oferecer uma experiência por si só, prezando a privacidade, o silêncio e ressaltando o que a natureza no campo tem de melhor. 

Antes de projetar, a equipe de arquitetura fez uma profunda análise do entorno onde seria implementado o hotel, e descobriram uma cidade vizinha com uma grande quantidade de casas construídas a partir do século 19, todas elas no estilo arquitetônico da Normandia.

horta faz parte da paisagem
Uma horta faz parte da paisagem frontal do hotel, além de oferecer ingredientes orgânicos para o menu do restaurante (Foto: Bárbara Cassou)

O desafio foi criar uma arquitetura que respirasse a cultura brasileira, por estar inserido no interior de São Paulo e em um entorno de mata Atlântica, porém respeitando o estilo local existente (emprestado da Europa). Além de inserir o estilo contemporâneo do nosso tempo.

O resultado harmonizou diferentes elementos, como telhados inclinados e fachadas de vidro, brincando com a assimetria e utilizando materiais como madeira e pedra, típicos da arquitetura do campo. 

Enormes pedras formam parte da arquitetura, junto com painéis de vidro e pilares de madeira de demolição aparente. Todos os materiais utilizados exibem suas cores e texturas aparentes, na sua maior honestidade. 

A madeira de demolição foi proveniente de um acervo de 250 metros cúbicos de madeiras raras e centenárias. 

Laboratório de atividades artesanais e manuais
Laboratório de atividades artesanais e manuais dentro do hotel (Foto: Bárbara Cassou) 

O complexo do hotel conta com uma edificação central, onde estão localizados a recepção, o restaurante, o spa, um laboratório para atividades artesanais e sete suítes. Em volta da edificação central, há uma piscina externa, a academia e onze vilas independentes. Uma horta em frente ao hotel faz parte da paisagem e é cuidada com muito carinho. Vários dos ingredientes do menu do restaurante são colhidos na hora. 

O projeto do Hotel Six Senses Botanique em Campos do Jordão expressa influências brasileiras de um modo autêntico e atemporal. E nos mostra que a arquitetura é a chave para oferecer experiências memoráveis aos hóspedes. 

Nenhum comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *