Menu
Projetos e Obras
Busca

Conteúdo Matérias

São os Caras: artcrafters transformam porcelanatos da Portobello em brindes sustentáveis

29/06/2018

Porcelanatos da Portobello foram customizados e se transformaram em lindos artigos decorativos, com design exclusivo, elaborados pela empresa parceira Caras do Sítio. Veja como ficaram as peças que ganharam vida a partir de embalagens sustentáveis, e assista ao vídeo com todos os detalhes da criação!

Não são poucas as ações que tornam a Portobello exemplo de empresa nacional sustentável, que trabalha constantemente por melhores condições nos aspectos ambientais, sociais e econômicos. Só no ano de 2017, por exemplo, 4.500 mudas nativas foram plantadas no Sul e Nordeste para recuperação da flora local. O descarte da água usada no processo industrial é zero. Recebeu prêmio Fritz Müller pela notória redução do consumo de gás e emissão de CO2. Cerca de 95% de seus resíduos são reutilizados e os demais são reciclados. E não para por aí.

As ações também estão nos pequenos detalhes. Tudo é pensado para causar o menor impacto ambiental possível. Podemos citar as embalagens. As caixas utilizadas são de papel reciclável e, em sua maioria, montadas com design inteligente, o que reduz o consumo de material. Já os pallets para montagem das caixas são confeccionados em madeira reflorestada.

Assim como a Portobello, muitas outras empresas de pequeno a grande porte se voltam a essa consciência, desenvolvendo produtos dentro de um processo sustentável, preocupando-se com o meio ambiente, economia local e bem-estar da comunidade. Uma delas é a Caras do Sítio. Os “caras” à frente do negócio em um “sítio” situado na cidade de Alfredo Wagner, a 100km de Florianópolis (SC) são Lucimar Antonio Vanni (Luci) e Lourenço Wilk (Lou), os chamados “artcrafters” (artesãos criativos) que recuperam madeira para fazer artigos únicos.

Caras do Sítio é um negócio novo, mas que já serve de inspiração para muitas pessoas. “Não precisa estar num grande centro e ter um endereço de luxo para ser especial. Iniciamos há 5 anos uma transição lenta e planejada para trocar o agito de Florianópolis por uma vida melhor e mais simples na serra catarinense. Não que a vida no interior seja só flores, existem problemas e são grandes as dificuldades para fazer um negócio crescer, mas não há dúvidas que com planejamento e dedicação muito pode ser criado, feito e produzido na tranquilidade do interior”, afirmam Lou e Luci.

Os artesões criativos Lou e Luci

Os artesões criativos Lou e Luci

O que eles não previam era o impacto positivo e a diferença que Caras do Sítio poderia fazer na comunidade local. “Somos responsáveis por importantes movimentos para o desenvolvimento regional, geramos empregos direta e indiretamente que, para muitos, é a diferença entre ficar e sair do interior, fazemos com que lojas de materiais de construção, por exemplo, comecem a comercializar produtos que nunca tinham vendido, movimentamos o turismo com clientes que nos visitam para juntos desenvolvermos peças, pagamos impostos que, para uma cidade pequena, faz diferença. Isso é a sustentabilidade na prática”, declaram.

Além disso, existe uma preocupação e um cuidado para que o impacto da oficina Caras do Sítio seja o menor possível no ambiente: “É uma propriedade de mais de 50 mil m² que, quando compramos, tinha cerca de 20 árvores nativas sobre ela. Mas, a cada mês, a propriedade ganha novas árvores, centenas já foram plantadas por nós e as que são “plantadas” pelo espalho de sementes feito por animais nascem a todo momento e são mantidas. A ordem é ‘tudo o que tiver chance de ser uma árvore nascendo, por favor mantenha!’”.

Oficina do Caras do Sítio, em Alfredo Wagner (SC)

Oficina do Caras do Sítio, em Alfredo Wagner (SC)

Parceria entre as empresas sustentáveis

Segundo Lou e Luci, a Portobello sempre esteve presente em suas vidas. “Percebemos o quanto a empresa inova lançando novos produtos e nos identificamos bastante com isso. Porque inovar é sair da zona de conforto, vira um vício apaixonante!”, definem.

O exemplo de negócio do Caras do Sítio foi motivo de parceria com a Portobello. Como os produtos e suas embalagens são feitas de maneira sustentável, a Portobello Shop pensou em presentear seus parceiros arquitetos com brindes desenvolvidos por Lou, Luci e sua equipe, já que eles também se identificam com seus valores de sustentabilidade, design e inovação. Assim nasceram os  artigos de decoração e peças utilitárias produzidas e embaladas com madeira reaproveitadaAlgumas lojas da rede de franquias já abraçaram a ideia e muitos profissionais já foram contemplados com as peças.

Brindes sustentáveis dos Caras do Sítio, prontos para serem distribuídos aos arquitetos parceiros da Portobello Shop

Brindes sustentáveis dos Caras do Sítio prontos para serem distribuídos aos arquitetos parceiros da Portobello Shop

Os papéis usados nas embalagens, seja para a tarja onde vai a marca da empresa (que no caso da Portobello foi serigrafada à mão, uma a uma e com tinta a base d’água), ou para proteção das peças contra arranhões durante o transporte, são antigos, com cerca de 30 anos de existência, arrematados de uma antiga distribuidora de papel de SC.

“É empolgante saber que foi através da arte manual da nossa turma aqui do interior da Serra Catarinense que as peças nasceram. Limpamos a madeira, cortamos, lixamos, montamos, enceramos e embalamos cada uma delas que saem da oficina, tudo isso para que o conceito, o nosso trabalho e a beleza da madeira, que iria se perder no tempo, cheguem até as pessoas da maneira mais pura possível (sem restos de tinta)”, enfatizam os “caras”.

Conheça os brindes personalizados:

Os Caras do Sítio produziram, ainda, um vídeo que mostra em detalhes como foram criados e embalados os brindes exclusivos para arquitetos parceiros da Portobello Shop. Confira! 

6 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *