Menu
Projetos e Obras
Busca

Portobello Eventos

Portobello recebe Prêmio Inovação do Sul

17/04/2019

A Portobello recebe pela primeira vez o prêmio Inovação do Sul na categoria Material de Construção.

A premiação é o ápice da ‘Pesquisa Campeãs da Inovação’, que está em sua 15ª edição, e é desenvolvida pelo Grupo Amanhã com a finalidade de listar as organizações mais inovadoras da região Sul.  Ao todo cerca de 400 companhias tiveram acesso ao questionário e dessas, apenas 50 foram reconhecidas como as mais inovadoras do Sul. O estudo também revelou as campeãs em 28 segmentos da economia do Paraná, de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul.

Renan Seibel, Consultor de Franquias da Portobello Shop, recebe o prêmio

A Portobello também foi destaque em Resultados, categoria que têm o maior peso na pesquisa, e tem como objetivo mostrar a capacidade da marca de transformar ideias e sugestões em resultados que podem ser dimensionados. O estudo possibilita que cada companhia possa medir seu grau de inovação, podendo comparar-se, inclusive, com outras do mesmo setor.

“Vemos a inovação de duas formas: a primeira delas é o design, que consiste em pesquisas e interações com formadores de opinião, tendências de materiais e cores, nos mais diversos universos. Essas pesquisas, por sua vez, são traduzidas nas linhas e coleções, e definem a originalidade e autenticidade. Isso é a alma da nossa inovação”, diz Christiane Ferreira, diretora de Branding e Inovação da Portobello.

“O segundo ponto fundamental é a inovação tecnológica. Nosso parque fabril é uma ferramenta que nos permite traduzir o nosso design. Fomos a primeira empresa no Brasil a fabricar o formato 120x120cm e grandes superfícies com acabamento polido”, completa Christiane.

A Portobello é premiada na categoria Material de Construção e destaque na categoria Resultados

Um dos fatores que contribuiram para a Portobello ser reconhecida como uma das 50 empresas mais inovadoras do Sul é o sistema chamado de “engrenagem da inovação”: composto por uma equipe multidisciplinar, que tem a função de realizar pesquisas de tendências, materiais e cores, além de  interações com arquitetos e parceiros da marca, que usam a Portobello como matéria-prima para o desenvolvimento de projetos e cujos feed backs são importantes para identificar os gaps que existem na criação de produtos. Assim, os lançamentos anuais criados pela equipe da marca, ainda podem ter outras duas origens:

  • Co-criação: linhas assinadas por grandes nomes do design, tanto nacional quanto internacional;
  • Coletivo Criativo: união de arquitetos brasileiros com a equipe de criação da empresa, no qual o intuito é desenvolver linhas inspiradas em viagens realizadas para outros países.

Entre os exemplos de co-criação, estão as linhas desenvolvidas para a coleção 2018 por: Ruy Ohtake e Jader Almeida, com séries para a Officina Portobello; Hideko Homna, com a linha Toki+. Na recém lançada coleção ‘In Your Dreams. In Your Home’, a co-criação traz a designer dinamarquesa Cecilie Manz com a linha Puro. Já o Coletivo Criativo, que teve como primeiro destino a Dinamarca, deu origem à linha Dansk, também apresentada no último ano; na nova coleção, o destino eleito foi a Islândia, traduzida na linha Harpa.

A Portobello, além de ser a primeira na categoria Material de Construção e destaque em Resultados, ocupa o quarto lugar no raking das 25 empresas mais inovadoras do Sul, ficando atrás apenas de corporações voltadas à tecnologia. O evento de premiação aconteceu no Parque Tecnológico da Unisinos, em São Leopoldo, na última terça-feira, 16 de abril.

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *