Menu
Projetos e Obras
Busca

Portobello Portobello

Portobello ganha trilha sonora emocionante para representar seu processo de inovação

12/03/2018

A italiana Chiara Luzzana, compositora e designer de som, vem ao Brasil especialmente para dar vida à ideia que tem tudo a ver com a nova coleção In & Out/Movimento.

Se Johann Wolfgang Von Goethe já dizia que “a arquitetura é música petrificada”, em 2018 a Portobello afirma que, realmente, dança conforme o som. Com a nova coleção In & Out/Movimento não é diferente, e a empresa mostra que o segredo do sucesso está em manter a engrenagem girando com harmonia, ritmo e melodia. Como, porém, apresentar a experiência de inovação que leva ao design de produtos únicos através da música? É aí que entra Chiara Luzzana!

Assista ao vídeo na íntegra produzido por Chiara Luzzana:

Italiana, que vive em Milão, Chiara pode ser definida como uma artista do som, ou melhor, uma designer do som e uma compositora de trilhas sonoras. Segundo ela, aprendeu a ouvir os sons e a música antes mesmo de começar a falar, o que logo se tornou a linguagem da profissional. “Quando criança, estudei guitarra, clarinete e piano. Com o tempo, passei a improvisar esses instrumentos, misturando novos sons capturados da vida cotidiana com o uso de sintetizadores analógicos”, relembra Luzzana.

chiara_fabrica

Chiara mede o som em uma das fábricas da Portobello

Descoberta pela Portobello muito por conta do projeto “The Sound of City”, em que viaja ao redor do mundo para capturar o espírito do local, como ela própria define, através dos ouvidos, Chiara viajou também para o Brasil, mais precisamente Tijucas, Santa Catarina, onde fica a fábrica da empresa. “A ideia é ela tirar o som de tudo que represente o nosso processo, com começo, meio e fim. Todos os materiais com que apresentamos os produtos expressam nosso ciclo de inovação, que envolve pesquisa, desenvolvimento, muita transpiração, produção, até se transformar em ambientes, que representam a concretização do sonho”, explica Eduardo Scoz, Coordenador de Produto.

chiara_materia-prima

Matteo filma Chiara em ação

chiara_som_porcelanato

É a vez de captar o som do produto final

chiara_Matteo

Os bastidores do trabalho realizado por Chiara e equipe com a Portobello

Durante cinco dias intensos de trabalho, Chiara e sua equipe, formada por mais dois profissionais, a produtora Valentina Deligio e o videomaker Matteo Urbinati, mergulharam a fundo no universo dos revestimentos. “É a primeira vez que visito uma fábrica cerâmica e estou totalmente de cabeça aberta. Eu espero encontrar algo que eu nunca ouvi antes, o que é bastante emocionante para mim. Apesar de se tratar, de certa forma, de um material pesado, eu tenho certeza que consigo encontrar um som gentil que possa ser transformado em um jeito poético de expressar a trilha sonora da Portobello”, garante a designer antes de iniciar as atividades.

Chiara conhece os lançamentos em grandes formatos da Portobello

chiara_galli

Chiara ouve atenta explicações de Stephano Galli, Diretor Criativo da Portobello

Em cada novo desafio, Luzzana conta que costuma gravar tudo, mas também faz muitas pesquisas de som e adiciona até alguns instrumentos musicais, como o violino, em seu produto final: “É um grande desafio sempre, porque o que faz uma trilha ser interessante é exatamente o movimento. O vídeo da Portobello, além de expressar os sons, tem que trazer à tona o conceito da coleção In & Out/Movimento”. Por isso, as locações variaram entre laboratório, galpão, prensa, loja, esteiras e fornos, os quais se tornaram os protagonistas desse trabalho. “A paisagem sonora da fábrica foi minha orquestra. Eu espero ter criado a trilha sonora da Portobello para ser algo eterno e jamais esquecido”, conclui a artista.

porcelanato_som

O som do porcelanato