Menu
Projetos e Obras
Busca

Conteúdo Arquitetura com opinião

Para a designer Luisa Correia, o que importa, é correr atrás dos sonhos

09/10/2019

Ela insistiu tanto nos seus objetivos que conseguiu chegar aonde queria. No seu escritório Correia Design Marcenaria, oferece serviços completos aos seus clientes. Saiba mais!

No auge da adolescência, Luisa desejava ser estilista de moda, tanto é que seu presente de 15 anos foi uma máquina de costura profissional. Então, aos 17, quando concluiu o ensino médio, tratou logo de passar no vestibular de Design, numa das instituições de ensino superior mais importantes do Brasil, a USP, em São Paulo. Mas o curso da universidade era bem completo. Além de roupas, ela projetava desde embalagens de produtos até grandes edifícios. Foi então, nesses estudos, que descobriu sua verdadeira vocação: a arquitetura e o design de interiores. Aos 21 anos, mesmo passando no cobiçado concurso público da Petrobras, onde chegou a trabalhar por alguns anos, projetando espaços de trabalho, ela confessa: “sentia que faltava alguma coisa para me realizar”.

Em 2016, o sonho da designer falou mais alto. Com 26 anos, abraçou a coragem e pediu demissão da Petrobras para empreender junto ao seu marido, Ruesley Correia. Fundou seu escritório no ano seguinte, em Santos – São Paulo, e hoje, aos 28, já conta com uma equipe própria para a execução de obras, marcenaria e projetos de design de interiores, com foco em residenciais. “Nós fazemos desde o projeto até a execução da obra, móveis e decoração. Sem dúvida, a principal vantagem de comprar um imóvel na planta é a facilidade de escolher cada detalhe do seu jeito, personalizar o apartamento de acordo com seu gosto e seu uso. Por isso, investimos muito nesse nicho”, afirma.

Equipe do Correia Design Marcenaria

Equipe do Correia Design Marcenaria

Agora ninguém segura Luisa! A audaciosa designer conta como foi projetar um apartamento para uma família paulista que queria passar apenas os fins de semana e as férias em Santos. “Eles amam cozinhar e receber os amigos. Por isso, definimos a ilha da cozinha como o coração da casa. Além disso, fizemos questão de valorizar a área social. Integramos sala, varanda e cozinha. Nos quartos,  apostamos nos espelhos para ampliar o ambiente. Já na suíte do casal, optamos por cores mais naturais, para deixá-la aconchegante. E no quarto das meninas surgiu o maior desafio. Uma das filhas tem 8 anos e a outra 14 anos. A diferença de idade reflete na diferença de personalidade. Por isso, escolhemos o grafite e um tom de rosa queimado. Uma cor mais feminina e outra mais moderna”, descreve Luisa.

Sala integrada ganha ares modernos com piso Brasilia Concreto Cinza Natural.
 
 
Precisão no assentamento do porcelanato Brasilia Concreto Cinza Natural.
Precisão no assentamento do porcelanato Brasilia Concreto Cinza Natural.

Adquirido na loja Portobello Shop Morumbi, o porcelanato  Brasilia Concreto Cinza Natural foi instalado em todo o piso. Ela conta que essa estratégia foi usada para integrar os ambientes e ampliar o apartamento. “Ele é um produto muito versátil, combinou com o estilo industrial da sala, com a sofisticação dos banheiros, com o colorido do quarto das meninas e com os tons naturais da suíte”, diz. Nos banheiros, Nero Venato Silk ganhou destaque no elenco dos revestimentos. “Este porcelanato é muito fiel ao desenho do mármore. Ele trouxe um toque clássico e muita sofisticação. Ainda quebramos o paradigma de usar somente cores claras em espaços pequenos”, conclui.

Costumo falar que também somos realizadores de sonhos! Já fizemos surpresas para diversos clientes (que só viram o apartamento depois de pronto, igual aos programas de TV). E, como tradição, sempre entregamos as chaves, com uma garrafa de champagne para brindar o sucesso da nova casa

Estar por dentro das novidades e participar das feiras do setor é essencial para uma promissora carreira, segundo Luisa. A Semana do Design de Milão e a Revestir, no Brasil, por exemplo, foram duas das suas grandes fontes de inspiração no último ano. Como sua principal referência no jeito de criar, ela também aponta o arquiteto e designer consagrado Sérgio Rodrigues. “Gosto de citar a frase que melhor resume seu trabalho: ‘o bom design une estética, ergonomia, conforto, custo e originalidade. Um toque cultural é também essencial. E boas pitadas de ousadia são sempre bem-vindas’”.

E ainda deixa uma dica especial para quem está começando a atuar na área e quer persistir no seu sonho profissional: “Acredite no seu potencial. Comece fazendo projetos para seus amigos, sua família – treine muito! O treino leva à perfeição. E pense fora da caixa, você não vai se destacar fazendo o que todo mundo faz. Pense todo dia como pode melhorar seu trabalho e superar as expectativas do cliente”, aconselha.

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *