Menu
Projetos e Obras
Busca
Linha Bossa Portobello - arquiteta Rafaela Dienstmann

Portobello Coleção

Arquitetas dão dicas de como aplicar cores e geometria para destacar as paredes

24/01/2018

Ornamentar paredes trazendo a arte da azulejaria vem de muitos anos. Por influência árabe, o revestimento é amplamente utilizado como elemento decorativo e arquitetônico por todo o mundo e ganhou novas roupagens técnicas. Neste post, o Archtrends Portobello traz duas convidadas especiais para contar como deixaram as paredes em destaque nas decorações dos ambientes.

“A parede que merece destaque é aquela com menos recortes, como janelas e portas”. Quem afirma é a designer de interiores Rafaela Dienstmann. Para ela, o ideal é que a parede seja livre, que se transforme em um mural, valorizando as peças, no caso, os porcelanatos. “Já quem prefere um leve destaque, é interessante pontuar apenas alguns detalhes como a rodabanca da cozinha ou uma composição entre porcelanatos com tonalidade neutra e os decorados”, completa.

Os desenhos geométricos e as cores tem bastante influência na criação dos ambientes projetados por Rafaela. Estão relacionados com espaços mais contemporâneos, onde as linhas retas trazem organização e um leve ar de seriedade. “Aí vem a cor para transformar a vibração, o colorido como na coleção Bossa, que traz o frescor do verde, ativando nossa memória afetiva. Pois a cor, está ligada à natureza e remete às nossas raízes. O que gera conforto e acalma”, ressalta.

Como exemplo prático, ela apresenta a aplicação desse produto em um projeto realizado em São Leopoldo – RS. O objetivo era que a reforma do apartamento trouxesse claridade, movimento e leveza ao banheiro. O porcelanato Portland Natural, da Linha Mineral foi utilizado como base, que aliado à iluminação geral e pontuada no espelho, serviu para expandir a luz natural. “A Linha Bossa na cor verde veio para quebrar a monotonia do tom neutro com destaque para este alegre ‘geométrico’, resultando numa composição bem harmônica entre a base, as peças de destaque e as esquadrias em madeira natural”, completa.

Banheiro antes da reforma assinada por Rafaela Dienstmann

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Banheiro transformado com porcelanato Linha Bossa, aplicado em toda a área do box (projeto de Rafaela Dienstmann Foto: Jeferson Guarezze

Banheiro transformado com porcelanato Linha Bossa, aplicado em toda a área do box. Foto: Jeferson Guarezze

Para beneficiar ainda mais a claridade, a designer gaúcha, que é especificadora da Portobello Shop de São Leopoldo, conta que foi utilizado o produto sintético Super Branco Prime na bancada. “A marcenaria entra em cena para trazer funcionalidade ao cômodo. Na bancada, o espaço de armazenagem foi ampliado e o armário superior todo espelhado, além de trazer amplitude e expandir a luz, para refletir o lindo padrão do Bossa”, finaliza.

Porcelanatos Portobello das linhas Bossa e Mineral compõem ambiente arrojado em banheiro projetado por Rafaela Dienstmann

Porcelanatos Portobello das linhas Bossa e Mineral compõem ambiente arrojado em banheiro projetado por Rafaela Dienstmann. Foto: Jeferson Guarezze

Rafaela Dienstmann é designer de interiores desde 2004. Ela possui um perfil no Archtrends para apresentar projetos com revestimentos da Portobello. Em 2016, lançou o e-book “Quartinho de Bebê”, que ensina mães como decorar quartos com segurança e visão profissional. Ela ainda tem um blog com informações e dicas sobre decoração, design e arquitetura e junto a seu marido e sócio, Arthur Dienstmann, comanda o escritório Deux Design, desde 2008.

Outra arquiteta gaúcha com perfil no Archtrends que deu destaque nas paredes em seus projetos, é Camila Chalon. Especificadora da Portobello Shop Moinhos de Vento, ela tem foco em reformas de interiores, residenciais e comerciais desde 2011, quando concluiu a faculdade.

A profissional também acredita que ‘vestir’ esse importante elemento decorativo valoriza o projeto e transforma um ambiente simples em algo sofisticado. “Os porcelanatos são atemporais e podem revestir qualquer parede. Já aplicamos em cozinhas, salas de jantar, estar e banheiros. Eles têm a vantagem de ser elegantes, fáceis de limpar e resistentes”, pontua.

Durante a reforma de uma casa em Porto Alegre (RS), a arquiteta explica que os clientes queriam banheiros neutros, claros e monocromáticos. Ela foi em busca de revestimentos em alto relevo porque o desejo era trazer um ar de lavabo com estilo para um dos cômodos. “Escolhi o ponto focal atrás do vaso sanitário e a partir dele distribui as outras paredes”, conta.

Banheiro antes reforma, por Camila Chalon

Banheiro antes da reforma, por Camila Chalon

Banheiro pós-reforma, com destaque para parede (versão Mos Relevo Bee off White, da Coleção Mineral)

A versão Mos Relevo Bee off White, da Coleção Mineral, foi escolhida pela textura diferenciada. A proposta era trazer ousadia e ao mesmo tempo uma combinação neutra, para facilitar a harmonização com outros materiais, como no caso dos porcelanatos com textura marmorizada. “O conceito do projeto foi buscar a simplicidade, exaltando a beleza da textura. Por isso, também aplicamos a versão Bianco de Ariston (Linha Marmi Clássico) nas bancadas. Para que nenhum material se sobrepusesse ao outro”, completa.

Além das linhas utilizadas pelas duas arquitetas, a Portobello também apresenta outras  versões da azulejaria brasileira, como Algarve, Azuleja, Forma, Quadrante, Tangram, Vitra e Nord 20×20, com desenhos e cores que resgatam a estética da arquitetura moderna, aliadas à praticidade, à funcionalidade e à resistência do porcelanato. Perfeitos para dar aquele novo visual na parede da casa. Veja alguns exemplos abaixo:

Algarve Mix 20x20, da Portobello

Algarve Mix 20×20, da Portobello

Linha Forma Pavone, da Portobello

Linha Forma Pavone, da Portobello

E mais detalhes das linhas, acesse www.portobello.com.br ou compareça em uma das lojas da Portobello Shop.

 

3 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *