Menu
Projetos e Obras
Busca

Imagem de destaque: Norma Merrick Sklarek foi a primeira arquiteta negra licenciada em Nova York e na Califórnia (Foto: Wikipedia)

Conteúdo Matérias

Norma Merrick Sklarek: a Rosa Parks da arquitetura

19/11/2021

Conheça a vida e os projetos de Norma Merrick Sklarek, primeira mulher negra a ocupar espaços importantes no mercado de arquitetura dos Estados Unidos!

A arquiteta afro-americana Norma Merrick Sklarek é uma das profissionais mais admiradas da história da arquitetura. Foi a primeira mulher negra a ocupar posições de destaque na área, tornando-se um grande exemplo numa profissão dominada por homens.

Não é à toa que ficou conhecida como a Rosa Parks da arquitetura – Parks foi uma ativista que se tornou símbolo do movimento pelos direitos civis dos negros nos Estados Unidos.

Ao longo de sua carreira, desenvolveu projetos grandiosos que você vai ter a oportunidade de conhecer aqui.

Continue lendo para conhecer mais sobre a história da arquiteta, suas obras e seu legado!

Quem foi Norma Merrick Sklarek?

Filha de imigrantes vindos de Trindade e Tobago, Norma Merrick Sklarek nasceu em Nova York, em 1928.

Estudou em uma escola pública para meninas e, desde aquela época, já mostrava sinais de seu caminho profissional, pois se destacava em matemática e design. Em 1945, entrou para o curso de arquitetura na Universidade de Columbia.

Conquistou o diploma 5 anos depois, sendo a primeira mulher negra nos Estados Unidos a se formar no curso. Além disso, também foi a primeira arquiteta negra com licença para atuar em Nova York e na Califórnia.

Mas, depois de se formar, Skalarek se deparou com a triste realidade do mercado de trabalho. Naquela época, os escritórios de arquitetura não contratavam mulheres, muito menos mulheres negras.

Norma Merrick Sklarek
Sklarek liderou o projeto do Fox Plaza, edifício de 29 andares em São Francisco, Califórnia (Foto: Dead.rabbit/Wikipedia)

Isso fez com que ela entrasse para o serviço público, trabalhando no departamento de engenharia de Nova York. Graças ao seu excelente desempenho, foi chamada para trabalhar em uma das maiores empresas de arquitetura do mundo, a SOM (Skidmore, Owings & Merrill).

Depois disso, sua carreira deslanchou. Começou a dar aulas de arquitetura na New York City College, tornou-se a primeira mulher negra a fazer parte do American Institute of Archtects (AIA) e trabalhou em outras empresas de peso nos Estados Unidos.

Apesar de não ter sido uma ativista declarada, Sklarek sempre foi vista como um grande exemplo pelo movimento negro do país. Afinal de contas, ela foi a primeira afro-americana a ocupar diversos espaços que a sociedade negava às mulheres negras.

Na década de 1980, depois de já ter realizado importantes projetos, foi a primeira mulher negra (mais uma vez) a abrir a própria empresa de arquitetura. Além de ser liderada apenas por mulheres, a empresa buscava promover a igualdade de gênero na área.

Conheça alguns de seus maiores projetos

Ao longo de sua trajetória, Norma Merrick Sklarek contribuiu e esteve à frente de diversos projetos. Entre eles, estão edifícios grandiosos que marcaram para sempre a sua carreira, como estes abaixo:

Mall of America

Norma Merrick Sklarek
O Mall of America é um dos maiores shoppings centers dos Estados Unidos (Foto: Shannon McGee/Flickr)

No final dos anos 1980, no cargo de diretora da empresa Jerde Paterniship, Sklarek trabalhou no projeto do Mall of America, em Minnesota.

Trata-se de uma construção enorme. Além de centenas de lojas, o shopping conta com cinema, espaço para exposições e até um parque de diversões. Por isso, é muito visitado não apenas pela população local como também por turistas de várias partes do mundo.

Aeroporto Internacional de Los Angeles

Norma Merrick Sklarek
Em 1993, o edifício foi considerado um monumento histórico-cultural pela Câmara Municipal de Los Angeles (Foto: monkeytime/Wikipedia)

Com uma estrutura diferenciada, este edifício lembra um disco voador pousando com suas quatro pernas. Foi projetado por um time de arquitetos no início dos anos 1960.

Duas décadas depois, Norma Merrick Sklarek, que na época era diretora de projetos na empresa Welton Breckt, liderou a renovação do Terminal 1 do Aeroporto Internacional de Los Angeles, sendo um de seus maiores projetos.

Embaixada dos Estados Unidos em Tóquio

Norma Merrick Sklarek
Embora tenha desenhado, junto de Cesar Pelli, o edifício da Embaixada dos Estados Unidos, Sklarek atuou principalmente como gerente de projetos ao longo de sua carreira (Foto: Ons/Wikipedia)

O edifício da embaixada dos Estados Unidos foi projetado por Norma Merrick Sklarek e seu colega César Pelli. Sua construção foi concluída em 1976, substituindo o edifício anterior dos anos 1930.

Na época, a arquiteta era diretora na Gruen Associates em Los Angeles. E, portanto, foi responsável não só pela coordenação dos aspectos técnicos deste projeto e de outros como também pela contratação de profissionais.

Qual legado Norma Merrick Sklarek deixa para a arquitetura?

Depois de conhecer um pouco de sua história de vida e os projetos que desenvolveu, fica nítido que Norma Merrick Sklarek foi muito mais do que uma arquiteta.

Ela foi, acima de tudo, uma grande revolucionária do seu tempo. Enfrentou de frente o racismo e sexismo para conquistar seu espaço no mercado de arquitetura dos Estados Unidos.

Não apenas ocupou lugares importantes como também prosperou, tornando-se uma influência para muitas pessoas, sobretudo para as mulheres afro-americanas. Por não ter tido alguém que compartilhasse os mesmos obstáculos e a guiasse na profissão, Sklarek fez questão de contribuir com a trajetória de várias arquitetas mulheres.

Faleceu em 2008, aos 85 anos de idade, mas seu legado continua vivo no mundo da arquitetura. Assim como os belos edifícios que projetou, seu nome segue reverberando.

Além de ter sido a primeira mulher negra a se tornar conselheira do AIA, o instituto criou um prêmio com o nome de Sklarek para prestar homenagem aos profissionais e organizações que trabalham pela transformação social.

Conhecer a vida de pessoas como Norma Merrick Sklarek, a Rosa Parks da arquitetura, é uma forma de se inspirar e alimentar a vontade de fazer a diferença na área.

Já ouviu falar de Yasmeen Lari? Saiba mais sobre a história da primeira arquitetura paquistanesa, responsável por desenvolver casas sustentáveis e resistentes!

Imagem de destaque: Norma Merrick Sklarek foi a primeira arquiteta negra licenciada em Nova York e na Califórnia (Foto: Wikipedia)

Nenhum comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *