Menu
Projetos e Obras
Busca

Portobello Matérias

Mostra UNLTD pelo olhar de grandes nomes da arquitetura e design

20/10/2020

Começou a exposição 100% digital de arquitetura que apresenta as possibilidades ilimitadas das Lastras Portobello pelo olhar de grandes referências da arquitetura e do design. E aqui você confere as principais imagens dos espaços inspiradores.

A Portobello convidou grandes profissionais da arquitetura e design para uma exposição inovadora: a Mostra UNLTD com as Lastras Portobello. Paulo Mendes da Rocha, Nadezhda Mendes da Rocha, Oskar Metsavaht, Marcelo Rosenbaum, Patricia Pomerantzeff, Paola Navone, Jayme Bernardo, Glei Tomazi e Coletivo Criativo Berlim interpretam as ilimitadas formas de revestir, mobiliar e decorar das lastras. 

Milhares de pessoas prestigiaram a inauguração da Mostra realizada nesta última quarta-feira (14), que foi apresentada no formato 100% digital, pela editora do Archtrends Juliana Peixoto, direto da fábrica de lastras em Tijucas (SC), a única no Brasil capaz de produzir lastra no tamanho 1,80 x 3,60 m. Além da apresentação dos ambientes, o evento contou com a palestra internacional do arquiteto e designer Gaetano Pesce e, ainda, uma experiência culinária com o chef Claude Troisgros. Os colunistas do Archtrends, jornalistas Pedro Andrade e Taissa Buescu, também participaram do lançamento da Mostra.

A seguir, descubra o perfil de cada profissional, o conceito dos seus ambientes idealizados com Lastras e as imagens da exposição.

Oskar Metsavaht
Espelho d’água

Criação de Oskar Metsavaht na área externa da Mostra UNLTD

Criação de Oskar Metsavaht na área externa da Mostra UNLTD

Oskar Metsavaht é artista baseado no Rio de Janeiro. É fundador e diretor de criação e estilo da Osklen. Ativista ambiental, é fundador e presidente do Instituto-e, organização não governamental de desenvolvimento sustentável. É membro do conselho do Instituto Inhotim, membro do conselho consultivo do MAM – Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro e Embaixador da Boa Vontade da Unesco para Cultura de Paz e Sustentabilidade. Para a Portobello, assina a linha Ipanema, lançamento de 2020.

A coleção Ipanema foi inspirada no bairro homônimo no Rio de Janeiro. Metsavaht mostra suas criações na área externa da Mostra UNLTD, sempre buscando manter a sensação de amplitude e minimalismo de Ipanema. O espaço foi desenhado para ter muita área de circulação, apresentando as diversas aplicações dos revestimentos. O painel Neotropical faz referência aos icônicos artistas modernistas brasileiros. Já os grandes formatos Ipanema trazem textura e aspectos das tradicionais pedras portuguesas do calçadão da orla.

Paola Navone
Cozinha

Paola Navone assina a cozinha da Mostra Unlimited Portobello

Paola Navone assina a cozinha da Mostra Unlimited Portobello

Paola Navone é designer italiana baseada em Milão. Uma das poucas representantes femininas entre as estrelas do design internacional, tem atuação prolífica, com trabalhos em várias áreas criativas, como arquitetura, design de produto e design de interiores e cenografia. Se inspira no artesanato tradicional, dando a ele formas contemporâneas. Já criou para grandes marcas internacionais, como Swarovski, Alessi, Knoll, Capellini, Aramani Casa e, em 2020, Portobello, com as pastilhas irregulares Bonbon.

A cozinha imaginada por Paola Navone instiga a criatividade – e o paladar! A designer apostou no conceito de uma cozinha aberta, sem armários, com tudo à mostra. Os cestos de feira revelam os alimentos. A bancada e a ampla mesa linear trazem Lastras apoiadas sobre cavaletes, Rivoli e Calacatta Blanc, respectivamente. O piso e a parede são revestidos pelos produtos que a designer assina para a Portobello, o azulejo Vedononvedo e a pastilha Bonbon. 

Produtos:

Vedononvedo
Bonbon White
Rivoli
Calacatta Blanc

Marcelo Rosenbaum
Quarto

Texturas e rede embalam o quarto natural assinado por Rosenbaum

Texturas e rede embalam o quarto natural assinado por Rosenbaum

Marcelo Rosenbaum é designer paulista, à frente do escritório Rosenbaum Arquitetura e Design há mais de 20 anos. É professor Honoris Causa de Arquitetura pelo Centro Universitário Belas Artes. Fundou o Instituto A Gente Transforma, em que aplica seu método de Design Essencial para a transformação social. Sempre trabalhando pela democratização do design, foi apresentador do quadro Lar Doce Lar na Rede Globo de 2008 a 2012 e do programa Decora no GNT de 2014 a 2016.

Texturas e rede embalam o quarto natural assinado por Rosenbaum. A ideia foi criar um ambiente calmo, para o relaxamento e restauro das energias, utilizando um único material nas superfícies: Concrete Mud. Assim, Rosenbaum criou uma atmosfera de quase caverna, que praticamente dispensa mobiliário. As únicas peças soltas privilegiam materiais naturais e trabalho manual, como a roupa de cama em linho e a Rede Cabeluda de palha de carnaúba, da Trançados da Ilho, associação de artesãos de Ilha Grande.

Produto:
Concrete Mud


Coletivo Criativo Berlim
Living

Parte do ciclo de inovação Portobello, o Coletivo Criativo, viagem anual de pesquisa e cocriação, reúne as impressões e percepções sobre o local visitado. Em 2019, o destino da terceira edição do Coletivo Criativo foi Berlim. A iniciativa reuniu 22 profissionais renomados de arquitetura e design para uma viagem de imersão, com objetivo de desenvolver uma nova linha de produtos, Berliner. O Coletivo ainda se envolve em outros projetos criativos da Portobello, como a Mostra UNLTD.

O living assinado pelo Coletivo Criativo apresenta o Siena Chianti como protagonista. Em primeiro plano, duas grandes peças deste quartzito elevam-se como destaque. Uma maxi obra de arte contemporânea!

A parede de fundo é revestida por espelhos, o que traz leveza ao grande volume das Lastras. No piso, é usada a mesma superfície, mas, aproveitando sua linearidade, as Lastras são dispostas transversalmente, trazendo profundidade ao espaço. A parede lateral traz um painel ripado.

Produtos:

Quartzites Siena Chianti
Mos Ripa Dansk Cement Mud

Jayme Bernardo
Sala de banho

ividido em dois setores distintos

Banheiro dividido em dois setores distintos, assinado por Jayme Bernardo e Glei Tomasi

Jayme Bernardo é arquiteto paranaense, à frente de projetos de arquitetura, interiores e design de mobiliário. Atua entre Curitiba e São Paulo há 38 anos. Já participou de 10 edições da Casa Cor Paraná e de três da Casa Cor São Paulo, entre outras mostras.

Seus banheiros sempre se destacam, com prêmios nos concursos Deca, em 2006, 2010 e 2013, e Docol, em 2002 e 2003. Ainda, desenvolve mobiliário autoral, já tendo realizado exposição de design no Museu Oscar Nemeyer.

O ambiente foi dividido em dois setores distintos. O ingresso se dá por uma área ampla, um espaço aberto, convidativo e iluminado, com a Lastra Calacatta Puro. Em contraposição, um segundo estágio, mais íntimo e introspectivo, corresponde à área úmida da sala de banho, com Black Eclipse.

Essa dualidade fica explícita nas cores e na diferença de alturas, pois na parte escura temos um pé-direito propositalmente mais baixo. O ambiente foi criado em colaboração com o arquiteto Glei Tomazi.

Produtos

Black Eclipse
Calacatta Puro

Officina Portobello:
Blocco Continuo
Nicho Nest

Complementos
Metais Docol
Louças Laufen

Patricia Pomerantzeff
Lavabo

Patricia Pomerantzeff mostra as possibilidade ilimitadas com as Lastras Portobello

Patricia Pomerantzeff mostra as possibilidades ilimitadas com Lastras Portobello

Patricia Pomerantzeff é artista plástica e arquiteta paulista, à frente do escritório Doma Arquitetura, fundado em 2007. Desde 2017, comanda o canal no YouTube de mesmo nome, em que compartilha sua experiência com projetos e obras. Ao divulgar seu conhecimento, Patricia acabou fazendo do Doma o maior canal de arquitetura do Brasil, com 898 mil inscritos no YouTube e 602 mil seguidores no Instagram. O Doma, representado pela figura de Patricia, é parceiro da Portobello desde 2019.

Jogar com as escalas das grandes Lastras e do pequeno lavabo foi o ponto de partida do projeto. Usar peças enormes de revestimento em um ambiente de dimensões reduzidas comprovou o efeito de amplitude causado pelas Lastras, sem emendas na altura. Para controlar a entrada de luz e garantir a privacidade do lavabo, Doma criou um brise com a linha Biscuit. A cortina de pequenos formatos gera contraste, valorizando ainda mais as Lastras.

Produtos
Travertino Navona Grigio
Biscuit Dune Terra

Complementos
Metais Docol
Louças Laufen

Nadezhda & Paulo Mendes da Rocha
Monumento Lastras

Paulo Mendes da Rocha é arquiteto capixaba. Aos 92 anos, é o único Prizker brasileiro vivo. Se formou em Arquitetura em 1954 pela FAU-Mackenzie, foi diretor da Poli-USP entre 1943 e 1947 e professor da FAU-UPS entre 1960 e 1998. Se tornou representante da Escola Paulista de arquitetura, com projetos como o Mube e o plano de reforma da Pinacoteca. Lúcido, segue criando em parcerias com profissionais mais jovens, entre eles sua filha Nadezhda.

Nadezhda Mendes da Rocha é designer e arquiteta paulista. Se formou em Design na Faap, em 2002, e em Arquitetura e Urbanismo na Escola da Cidade, em 2010. Coordena o Platô Studio, plataforma de cursos, exposições e discussões sobre design. Em 2016 iniciou seu próprio estúdio, o Satélite, no qual desenvolve projetos em diferentes escalas de desenho. Trabalha de maneira autoral, transitando entre design gráfico, design de mobiliário e arquitetura. Assina também o Conceito da Identidade Visual, junto com Julia Masagão do Alles Blau.

A ideia fundamental do projeto é exibir as Lastras Portobello como uma fantasia em relação a como de fato elas vão aparecer na cidade, ou seja, principalmente para a grande visibilidade dos planos verticais das fachadas dos edifícios em várias disposições imprevisíveis em relação à luz do sol em diferentes horários do dia. O conjunto tem uma visão teatral e dinâmica. As Lastras de 120×260 são colocadas ora na vertical, ora na horizontal, sempre de modo ortogonal ao piso. Portobello como uma fantasia em relação a como principalmente para a grande visibilidade dos planos verticais das fachadas dos edifícios em várias disposições imprevisíveis em relação à luz do sol em diferentes horários do dia. O conjunto tem uma visão teatral e dinâmica. As Lastras de 120×260 são colocadas ora na vertical, ora na horizontal, sempre de modo ortogonal ao piso.

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *