Menu
Projetos e Obras
Busca

Conteúdo Matérias

Efeito minimalista: o futuro das marcas e da arquitetura

13/01/2012

Será o efeito minimalista o futuro das grandes marcas e da arquitetura? Ao que tudo indica, a resposta é sim! O conceito de simplificar embalagens a ponto de chegar ao mínimo de detalhes possível e assim garantir destaque para o produto em meio a um mundo de embalagens de design agressivo não é mais novidade.(…)

Será o efeito minimalista o futuro das grandes marcas e da arquitetura? Ao que tudo indica, a resposta é sim! O conceito de simplificar embalagens a ponto de chegar ao mínimo de detalhes possível e assim garantir destaque para o produto em meio a um mundo de embalagens de design agressivo não é mais novidade. Grandes marcas como Pepsi e Starbucks Coffee já aderiram à tendência e a cada dia mais e mais empresas devem seguir o mesmo caminho.

arquitetura minimalista

arquitetura minimalista

A simplicidade virou a alma do negócio na hora de oferecer maior visibilidade ao produto. E para provar que menos muitas vezes significa mais, o coletivo turco Antrepo criou versões minimalistas para marcas que ainda não abriram mão de um layout mais carregado.

arquitetura minimalista

arquitetura minimalista

arquitetura minimalista

arquitetura minimalista

arquitetura minimalista

Imagine a última imagem de cada produto em meio a uma multidão de outras embalagens? Não seria mais fácil reconhecer as embalagens propostas pelo Antrepo de longe?

Quando o assunto é arquitetura a proposta é a mesma: simplificar para destacar. De fato, a tendência começou já no século XX, mas vem ganhando mais força nos últimos anos.

Na construção, o minimalismo representa a busca de uma arquitetura unitária, onde materiais e elementos são somados para gerar uma forma essencial na recriação de espaços puros e simples para a economia de energia e recursos. É a desconstrução em busca da abundância.

arquitetura minimalista

Além de oferecer um resultado sustentável, a arquitetura minimalista aproveita ao máximo os espaços com simplicidade. Os ambientes ganham um senso de amplitude e a fachada produz um efeito de destaque em relação às construções ao seu redor e uma contemporaneidade que perdura por décadas.

A Portobello aposta na arquitetura minimalista e sustentável com revestimentos que poupam recursos naturais e oferecem um visual clean e sofisticado ao ambiente. Entre eles estão as linhas: Extra Fino, Minimale, Maxima, Progetto, City, Concretíssyma e Marmi. Visite nosso site e saiba mais sobre estes revestimentos.

arquitetura minimalista

Linha Marmi Portobello

arquitetura minimalista

Linha Extra Fino Portobello

arquitetura minimalista

Linha Concretíssyma Portobello

arquitetura minimalista

Liha City Portobello

LogoASSINATURAbranco Receba esta e outras novidades do Blog Portobello em seu email: assine nosso RSS.

2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Simone Patrícia Becker says:

    A busca pelo efeito minimalista deve ser incentivada na atual concepção de design de interiores. A criação de ambientes mais “limpos” pode tornar a vida das pessoas mais leve. A energia destes ambientes pode favorecer o equilíbrio emocional. Deixar a pureza do espaço dominar sua alma fazendo-a relaxar em meio a um mundo que não para de girar. Você pode se entregar ao conforto de um piso nu, como uma criança que brinca no chão (sem medo algum, pois para ela as bactérias ainda não existem). Para a mulher moderna, que trabalha e constrói sua família, o Minimalismo desempenha papel significativo. Não há perda de identidade em seu habitat. Não há “coisas fora do lugar”. Só há paz, inocência e tranquilidade!