Menu
Projetos e Obras
Busca
Intervenção artística no Pavilhão Mies Van der Rohe

As maquetes, por Ben Wier, representam partes da Casa Vilaró (Foto: Bárbara Cassou)

Conteúdo Correspondentes Internacionais

Intervenção artística no Pavilhão Mies Van der Rohe

16/12/2020

Para fechar o ano de 2020, a Fundação Mies Van der Rohe escolheu uma intervenção artística gerando debate sobre patrimônio cultural e arquitetura residencial.

“Artists in Architecture” é o tema da última intervenção artística exposta no interior do Pavilhão Mies Van der Rohe, em Barcelona. É um projeto interdisciplinar que investiga as intervenções temporárias de artistas em edifícios de patrimônio cultural para reavaliar e debater sobre os usos futuros de locais de patrimônio específico. 

Promovido pelo BOZAR (Centre for Fine Arts), pela Fundação Mies Van der Rohe, pela University of Naples-Federico II e cofinanciada pelo programa Creative Europe como cooperação do EYCH (European Year of Cultural Heritage 2018), o projeto selecionou algumas casas onde viveram importantes personalidades da cultura européia do século 20, como artistas, intelectuais, cidadãos ativos ou até mesmo casas projetadas pelos arquitetos mais vanguardistas da época. 

Intervenção artística no Pavilhão Mies Van der Rohe
As maquetes são expostas no centro do pavilhão Mies Van der Rohe sobre estruturas metálicas (Foto: Bárbara Cassou)

Esta iniciativa reuniu artistas, arquitetos, estudantes e profissionais do campo de patrimônio cultural para debater estratégias sobre conservação, adaptação e reutilização de casas que são patrimônio cultural na Europa. 

Seis artistas diferentes foram selecionados para fazer uma reflexão in situ sobre a casa e patrimônio cultural escolhido:

  •    Jacques Ligot – Casa do artista belga Olivier Strebelle, Uccle, Bélgica
  •    Something Fantastic & Fernanda Tellez – Willy van der Meer House, Tervuren, Bélgica
  •    Susanne Mariachi & Helene Schauer – Casa Marcel Iancu, Bucarest, România
  •    Luke James – Casa do artista Sol LeWitt, Praiano, Itália
  •    Elena Mazzi – Casina Fiorelli, Pompeia, Itália
  •    Ben Weir – Casa Vilaró, Barcelona, ​​Espanha
Intervenção artística no Pavilhão Mies Van der Rohe
Detalhes das maquetes feitas em MDF (Foto: Bárbara Cassou)

Última intervenção artística

Para a intervenção artística dentro do Pavilhão Mies Van der Rohe, foi escolhido o trabalho do artista Ben Weir sobre a Casa Vilaró, para ser exposto no centro do pavilhão. 

A proposta realizada por Ben foca a atenção nas alterações e extensões que a Casa Vilaró sofreu ao longo do tempo, modificando consideravelmente sua sequência espacial e experiência arquitetônica original da casa. O artista realizou uma série de cinco maquetes reproduzindo os elementos da casa que foram adicionados e alterados. As maquetes foram feitas em MDF, em grande escala e expostas sobre estruturas metálicas dentro do pavilhão.

Desta forma, o artista faz uma documentação e questionamento sobre o papel que estas alterações ao longo dos anos formaram no contexto atual em um edifício protegido por ser patrimônio cultural. 

Intervenção artística no Pavilhão Mies Van der Rohe
A exposição dispõe de um pequeno jornal explicativo sobre o projeto, gerando debate sobre arquitetura residencial e patrimônio cultural (Foto: Bárbara Cassou)

A Fundação Mies Van der Rohe, em Barcelona, sempre realiza, ao longo do ano, alguma intervenção artística focada em arquitetura e arte para dentro do famoso pavilhão, que é ponto turístico e patrimônio cultural na cidade. Confira aqui outras intervenções feitas lá: No Fear of Glass, At Home with Mies e Desmaterialização de Mies Van der Rohe

Toda intervenção artística dentro do pavilhão, além de trazer novidade para o espaço, faz com que os cidadãos de Barcelona voltem lá para conferir cada um deles, gerando sempre um debate no âmbito da arquitetura. “Artists in Architecture” foi a última exposição para fechar o ano de 2020, deixando a discussão aberta sobre patrimônio cultural e arquitetura residencial. 

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *