Menu
Projetos e Obras
Busca

Conteúdo Tendências

5 dicas incríveis para decorar e dar estilo ao lavabo

22/02/2019

Práticos, simples e compactos. Ainda que carreguem essas características, os lavabos pedem uma decoração diferenciada e capaz de encantar quem faz uso do espaço. Veja agora como você pode inovar no projeto!

Espaço amplo, louças de qualidade e um toque de requinte caracterizam o banheiro dos sonhos de muitas pessoas. Mas e quando o assunto é lavabo? Será que o cuidado com a decoração é o mesmo? Quais elementos não podem faltar para agregar estilo e personalidade ao espaço?

Vamos discutir todas essas questões com a ajuda de Marla Bravin, designer de interiores de Imperatriz (MA). A profissional já adianta que, por terem dimensões reduzidas, os lavabos exigem atenção especial nos projetos para que apresentem funcionalidade e um visual harmônico.

Sendo assim, que tal partir para as dicas e descobrir como montar um ambiente exclusivo? Siga a leitura conosco e saiba por onde começar!

1. Escolher o estilo de decoração

lavabo

Lavabo moderno com acessórios gold | Ariane Rosa Arquitetura e Design

Como qualquer outro espaço residencial, o lavabo precisa seguir determinado estilo. Pode ser o mesmo tema trabalhado no restante da casa ou algo totalmente diferenciado. Tudo vai depender dos objetivos do cliente — se quer uma aparência mais tradicional ou abusar de peças, materiais e cores que são tendência.

Marla Bravin afirma que uma pergunta a ser respondida para decidir o estilo é “que sensações eu quero provocar em quem entrará neste ambiente?”. Ela também aponta o lavabo como o espaço ideal para ousar na decoração, caso essa seja um das grandes vontades dos proprietários da casa.

Por isso, não há uma opção certa entre clássico, moderno, rústico, contemporâneo e outros temas. O importante é considerar as preferências e necessidades dos moradores para compor um lugar bonito, confortável e que possa ser utilizado por bastante tempo.

2. Utilizar uma iluminação especial

lavabo

Lavabo com iluminação especial | Costalonga Arquitetura I Interiores

Os lavabos, geralmente, ficam próximos das áreas sociais da casa, nas quais os moradores costumam receber amigos e familiares. É comum que tenham acesso rápido a partir de salas, corredores e até áreas externas, mas isso não é motivo para descuidar do projeto luminotécnico do local.

A luz pode e deve ser trabalhada de modo a encantar as visitas e proporcionar uma atmosfera aconchegante. Para isso, a dica é investir em efeitos de iluminação indireta, ou seja, distribuir pontos de luz em diferentes áreas/superfícies para criar regiões sombreadas e clarear de maneira uniforme.

Vale pensar em recursos além da lâmpada central: spots embutidos no piso sob a bancada, arandelas ao lado do espelho, fita de LED no teto etc. Quanto à temperatura de cor, Marla Bravin indica a iluminação amarelada por agregar charme e destacar os materiais com elegância.

3. Definir o revestimento do lavabo

lavabo

Lavabo com acessórios rústicos e revestimento que reproduz madeira envelhecida | Luciana Lopes

Cerâmica, pastilha de vidro, ladrilho hidráulico e outros produtos são essenciais para agregar informação a um projeto de lavabo. Porém, é preciso cuidado na escolha para evitar excesso de formas, cores e texturas que possam deixar o visual poluído, ainda mais se tratando de um ambiente compacto.

Em outras palavras, os padrões das peças devem conversar e ficar em equilíbrio. O porcelanato é uma excelente opção por aliar benefícios importantes em um ambiente onde as pessoas manipulam água. Inclusive, se torna uma alternativa ao papel de parede devido às seguintes características:

  • durabilidade: suporta atrito, garante alta resistência mecânica e muitas versões têm uma camada de proteção contra riscos;
  • resistência à água: a superfície do porcelanato é impermeável, o que evita seu desgaste e o surgimento de manchas em áreas úmidas;
  • conforto térmico: por ser um piso frio, ajuda a manter a temperatura do ambiente agradável em dias de muito calor.

Como se não bastassem essas vantagens, o porcelanato é comercializado em placas com diferentes tamanhos, espessuras e tipos de acabamento. Isso traz liberdade para adequar os modelos a cada projeto, além de permitir a personalização do espaço com estampas especiais.

As fabricantes lançam linhas de acordo com as principais novidades do mercado para você aplicar em fachadas, pisos, paredes e até em detalhes do mobiliário. Inclusive, há versões de porcelanato que reproduzem diferentes materiais, como:

4. Usar móveis apropriados

lavabo

Lindo lavabo personalizado | Daniela Giffoni

Além das louças e metais sanitários, um bom lavabo deve ter mobiliário de qualidade. O lado positivo é que, diferentemente dos banheiros, esse ambiente não conta com área de box/chuveiro que produz vapor. Isso faz com que a umidade não seja impeditivo para a escolha dos móveis.

A peça mais básica é o gabinete com compartimentos para guardar produtos de beleza ou higiene. Porém, se o lavabo é muito pequeno, o ideal é substituir esse móvel volumoso por uma bela bancada que ofereça apoio para a pia — os modelos flutuantes estão em alta e ocupam pouco espaço.

Outra possibilidade é procurar soluções na arte da porcelanataria que permitam fabricar peças com cortes especiais. Assim, você consegue obter componentes exclusivos para usar em lavabos: cubas, bandejas e até jogos de nichos e prateleiras para apoiar objetos decorativos.

5. Incluir plantas e acessórios

lavabo

Lavabo com um lindo jardim de inverno | Marla Bravim

Muitas pessoas não abrem mão de ter um pequeno jardim em casa e levam essa ideia para vários ambientes residenciais. De fato, um toque de verde é essencial para transmitir frescor e pureza, especialmente em espaços utilizados para a higiene. Mas você sabe quais espécies incluir no projeto?

Marla Bravin aposta na praticidade: “Para lavabos, fazemos muito uso de plantas artificiais por serem isentas de manutenção e não precisarem da luz solar”. A boa notícia é que há réplicas perfeitas no mercado, com detalhes que simulam as folhas, caules e pétalas de diferentes flores e folhagens”.

A designer de interiores ressalta que, além das plantas, é preciso pensar nos acessórios. Um belo espelho com moldura trabalhada, quadros temáticos, toalhas dispostas em um cesto, luminárias brilhantes, tapetes macios e até mesmo uma cortina fazem a diferença na composição.

Esses itens móveis podem ser substituídos sempre que o cliente quiser mudar a cara do ambiente. Para finalizar, vale dispor de uma bandeja com velas perfumadas ou um kit de aromatizantes sobre o tampo da bancada, a fim de manter o local sempre cheiroso e agradável.

Pronto! Você tem um conjunto de passos essenciais para compor um lavabo atraente e cheio de estilo. Lembre-se de que o caminho para um bom projeto é usar as dicas como ponto de partida e adaptar alguns truques conforme os pedidos do cliente.

Que tal começar a buscar soluções para esse tipo de projeto? Entre em contato conosco ou vá até a loja Portobello mais próxima para conferir as linhas de produtos e encontrar o revestimento ideal.

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *