Menu
Projetos e Obras
Busca

Chillhouse é uma tendência de decoração que busca transformar a casa em um verdadeiro reduto de paz e tranquilidade (Projeto: Portobello S.A.)

Conteúdo Matérias

Chillhouse: tendência que transforma a casa em refúgio

20/12/2021

Neste artigo, descubra o que é a tendência da chillhouse e confira como transformar a sua casa em um verdadeiro refúgio acolhedor!

Com as novas gerações chegando, transformações na área da decoração também passaram a acontecer. E uma delas é a busca pela chillhouse, ou seja, uma casa refúgio. 

A ideia é transformar o lar em um lugar para relaxar, receber os amigos e viver do seu jeito, brincando com diferentes sensações. 

Parece interessante? Então, veja como entrar nessa trend! 

Chillhouse: o que é a casa refúgio? 

Traduzida para o português, a expressão em inglês chillhouse significa “casa refúgio”. Assim, temos a ideia de transformação dos ambientes em espaços adequados para desfrutarmos o dia e aproveitarmos ao máximo o privilégio de estar do lar.

A casa passa a ser mais que apenas paredes e cômodos dispostos de diferentes jeitos. Ela é um lugar de segurança, autocuidado e conforto, de modo a aliviar os fatores externos que podem gerar estresse e ansiedade.

Dessa forma, os espaços são projetados e decorados pensando em maneiras de favorecer o relaxamento, o autoconhecimento e a saúde mental. Isso também inclui receber pessoas, criando diversas sensações.

Receber pessoas em casa e favorecer o conforto são alguns dos objetivos da chillhouse, a exemplo dessa cozinha funcional e aconchegante
Receber pessoas em casa e favorecer o conforto são alguns dos objetivos da chillhouse, a exemplo dessa cozinha funcional e aconchegante (CASACOR 2021 / Projeto: Gabriela Ordahy / Foto: Cristiano Bauce)

Por que investir nessa tendência? 

Já deu para notar por que a chillhouse é uma verdadeira tendência, não é mesmo? 

Ao investir nessa forma de repensar os espaços, você conseguirá transformar sua casa em um lugar mais acolhedor, com ambientes pensados justamente para favorecer o seu descanso e bem-estar físico e mental. 

Claro que, por ser um refúgio, ele deve ser personalizado de acordo com necessidades, preferências e estilos, criando um local que seja uma extensão de você ou da sua família, afirmando a identificação com o lar.

O objetivo é ressignificá-lo, atraindo positividade e harmonia, tornando a rotina mais leve e melhor. 

Como transformar o seu lar em uma chillhouse?

Quer transformar a sua casa em refúgio ou levar esse conceito para seus projetos, mas não sabe por onde começar? Confira algumas dicas importantes que reunimos.

Favoreça o acolhimento 

A principal chave para criar uma chillhouse está no acolhimento. Por isso, pense em itens que favoreçam essa sensação. 

As cores claras, por exemplo, são ótimas aliadas. Não apenas branco e cinza, mas também os tons pastel, pincelados com algumas nuances mais escuras para dar contraste.

Outra boa ideia é a dos tons terrosos, que fazem uma ligação com a natureza e ajudam a criar um clima aconchegante. 

Os tons claros e a iluminação natural favorecem o acolhimento e são perfeitos em uma chillhouse
Os tons claros e a iluminação natural favorecem o acolhimento e são perfeitos em uma chillhouse (Projeto: Portobello S.A.

Mantenha a organização 

Uma das premissas de uma chillhouse é a funcionalidade. E não tem como falarmos de ambientes práticos se eles estiverem todos bagunçados. 

O excesso de itens é capaz de desconcentrar e piorar quadros de estresse e ansiedade, indo em sentido contrário ao que uma casa refúgio propõe.

Por isso, pense em elementos que ajudem a facilitar a organização na sua rotina. 

Antes mesmo de começar a elaborar seu projeto decorativo, analise o que você já tem e veja o que pode ser doado ou descartado. 

Tente manter uma aparência clean. Procure usar poucos móveis e otimizar o espaço, deixando-o mais aberto e facilitando a circulação.

Brincar com plantas, texturas e elementos naturais ajuda a criar ambientes relaxantes
Brincar com plantas, texturas e elementos naturais ajuda a criar ambientes relaxantes (CASACOR 2021 / Projeto: Adriana Fontana / Foto: Carolina Mossin)

Use plantas e outros elementos naturais 

As plantas e a natureza são muito presentes em uma casa refúgio. Afinal, ajudam a reduzir o estresse e contribuem para o nosso relaxamento. Por isso, não tenha medo de brincar com elas na sua decoração. 

São inúmeras as ideias nas quais você pode investir. Caso more em apartamento, os jardins verticais e as paredes verdes são excelentes. Eles podem compor a varanda ou algum cômodo interno. Os vasos de diferentes alturas completam o cenário. 

Na parte interna, ainda é possível pensar em kokedamas — vasos suspensos com plantas pendentes — e pequenos vasos com espécies fáceis de cuidar, como espada-de-são-jorge, cactos e suculentas. 

Além das plantas, busque usar outros elementos naturais na sua decoração. A madeira, sem dúvida, é uma grande aliada. Ela pode aparecer na sua forma natural e/ou em produtos que recriem essa matéria-prima.

Os porcelanatos amadeirados, por exemplo, podem compor pisos e paredes de diferentes espaços, inclusive combinando com elementos modernos, como os cimentícios, criando uma sensação relaxante e personalizada.

Busque por peças e detalhes que venham ao encontro dessa sensação de relaxamento e paz
Busque por peças e detalhes que venham ao encontro dessa sensação de relaxamento e paz (CASACOR 2021 / Projeto: Rafael Granero e Ana Livia Mafra / Foto: Carolina Mossin) 

Aproveite os benefícios das peças artesanais e do DIY 

Outra forma de favorecer o aconchego e dar um toque pessoal é investir em peças artesanais ou aquelas no estilo DIY (Do It Yourself ou “faça você mesmo”). 

Se você tem algum dom artístico, que tal colocá-lo em função da sua casa? 

Podem ser alguns bastidores bordados em uma parede, uma capa de almofada em crochê, um quadro pintado por você ou alguém da família e assim por diante. 

Esses detalhes fazem toda a diferença e reforçam a identificação com o seu lar. 

Conte a sua história com objetos afetivos 

Ainda pensando em tornar sua decoração mais afetiva, uma boa ideia é incluir itens que ajudem a contar uma história — seja um objeto de família ou algum detalhe que faça você relembrar de bons momentos que viveu. 

Quem ama viajar, por exemplo, pode usar souvenires ou fotos dos lugares que conheceu. Outra ideia é investir em um revestimento que recrie uma estampa capaz de transportar você para sua infância, como os ladrilhos hidráulicos da casa da sua avó.

Ambientes bem iluminados e arejados ajudam a relaxar e são muito usados no conceito de chillhouse
Ambientes bem iluminados e arejados ajudam a relaxar e são muito usados no conceito de chillhouse (Projeto: Fabio Amorosi

Atente-se à iluminação 

A luz natural deve marcar presença em uma chillhouse. Então, busque favorecê-la. 

Janelas amplas e portas de vidro são grandes aliadas. Bem como o uso de pé-direito alto e de cores claras em paredes e teto, para que essa luminosidade se multiplique dentro do espaço. 

Você ainda pode investir em claraboias ou outras possibilidades. 

Para completar, aposte em uma iluminação artificial que favoreça o aconchego, com luzes indiretas e amareladas em ambientes como as salas e os quartos.

Vale a pena brincar com dimmers de LED; assim, é possível escolher a intensidade e a cor de luz para cada momento.

Crie um cantinho para desenvolver seus hobbies, por exemplo, um delicioso espaço para leitura e relaxamento
Crie um cantinho para desenvolver seus hobbies, por exemplo, um delicioso espaço para leitura e relaxamento (CASACOR 2021 / Projeto: Studio A R Interiores / Foto: Carolina Mossin) 

Tenha espaços para seus hobbies 

A casa refúgio deve ter áreas específicas para seus momentos de relaxamento e introspecção.

Você pode incluir um cantinho para meditação ou ioga, um estúdio de pintura ou dança, um local adequado para leituras e assim por diante, dependendo da sua personalidade e dos seus interesses. 

O mais importante é que a sua casa consiga transmitir paz e serenidade, sendo o lugar para onde você deseja voltar no fim do dia para recarregar suas energias. 

Por isso, ela precisa ser uma extensão sua — e ninguém melhor para entender o que deve ou não fazer parte da sua decoração, certo? 

E então, gostou de conhecer o conceito de chillhouse? Aproveite para conferir a nova linha da Portobello, Terralma, com cores terrosas que conectam a sua casa à essência da natureza!

Foto de destaque: Chillhouse é uma tendência de decoração que busca transformar a casa em um verdadeiro reduto de paz e tranquilidade (Projeto: Portobello S.A.)

LEIA TAMBÉM:

Nenhum comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *