Menu
Projetos e Obras
Busca
arquitetura contemporânea

Foto destaque: (Foto: Studio Bouroullec/Cortesia Bourse de Commerce)

Conteúdo Correspondentes Internacionais

Bourse de Commerce: o diálogo entre patrimônio histórico e arquitetura contemporânea

19/01/2022

Tadao Ando foi responsável pela renovação do Bourse de Commerce, novo museu de Paris que mescla arquitetura contemporânea com patrimônio histórico.

Todo mundo sabe que Paris é a capital da cultura e da história francesa. Em 2020, pleno ano de pandemia, a cidade ganhou mais um museu de tirar o fôlego: o Bourse de Commerce. Um lugar que convida a explorar a arte do seu tempo no coração de Paris, com um mix entre a arquitetura contemporânea e a arquitetura do passado. 

arquitetura contemporânea
O contraste entre os traços arquitetônicos do edifício do passado e a criação contemporânea de Tadao Ando (Foto: Maxime Tétard/Cortesia Bourse de Commerce)

O museu começou sua transformação em Junho de 2017, completando-se em Março de 2020. O Bourse de Commerce foi renovado e transformado pelas mãos de Tadao Ando, arquiteto japonês, considerado um dos mais influentes da atualidade.

Confira também a renovação da Biblioteca Nacional da França, outro ponto turístico recém reformado em Paris

Além de Tadao Ando, outros estúdios colaboradores fizeram desse projeto realidade: the NeM agency / Niney et Marca Architectes, Pierre-Antoine Gatier’s agency e Setec Bâtiment.

O museu abriga coleções de arte contemporânea, oferecendo aos visitantes uma experiência única. São 10.500 metros quadrados de área construída que respira arquitetura e arte, com aproximadamente 10 mil obras assinadas por 380 artistas, incluíndo grandes nomes como Mark Rothko, Jeff Koons, Damien Hirst, Willem de Kooning e Louise Bourgeois e Richard Serra. 

Bourse de Commerce área interna com pinturas no teto
Pátio interno do Bourse de Commerce onde há a mescla de quatro séculos de arquitetura (Foto: Marc Domage/Cortesia Bourse de Commerce)

O mais interessante do Bourse de Commerce é a mescla entre quatro séculos de técnicas e estilos arquitetônicos. 

A primeira concepção do edifício foi em XVI, construído como residência de Catarina de Médici. 

Um vestígio da troca de piso interior do edifício foi feita no século XVIII quando foi transformado em um mercado de grãos. 

Marcando a revolução industrial, em 1812 uma cúpula de metal e vidro foi adicionada na cobertura. 

E finalmente, transformado em museu em 2020, Tadao Ando trouxe o contraste do concreto e sua arquitetura contemporânea para dar espaço ao novo ponto turístico de Paris. 

O arquiteto trouxe o diálogo entre a arquitetura contemporânea e o patrimônio histórico, entre o passado e o presente. 

Tadao Ando conseguiu dar destaque ao grande pátio interno do antigo edifício, criando uma estrutura de concreto aparente em frente dela. Aberturas, escadas e passarelas passam por essa estrutura de concreto, criando uma promenade no interior do edifício. 

Onde não só as obras de arte estão sendo apreciadas, mas a arquitetura do local também. 

arquitetura contemporânea
Promenade feita a partir do concreto aparente que Tadao Ando traz para o interior do museu (Foto: Patrick Tourneboeuf/Cortesia Bourse de Commerce)

Os móveis de dentro e fora do edifício foram projetados pelos designers franceses Ronan e Erwan Bouroullec.

Traços arquitetônicos, acabamentos minuciosos, operações técnicas museográficas de ponta, arranjo de mobiliário de design fizeram parte da remodelação do Bourse de Commerce atingindo sua excelência. 

arquitetura contemporânea
Restaurante de grãos Halle Aux Grains (Foto: Bras La Halle Aux Grains/Cortesia Bourse de Commerce)

O edifício também abriga o restaurante de grãos Halle ux Grains, o qual os chefs do Aveyron, Michel e Sébastien Bras administram.

O exterior do museu também foi tratado com respeito à cidade, ajudando a revitalização do entorno do bairro onde está inserido. 

arquitetura contemporânea
O entorno do edifício também foi vitalizado trazendo mais vida para o bairro (Foto: Studio Bouroullec/Cortesia Bourse de Commerce)

Bourse de Commerce é o exemplo perfeito onde a arquitetura contemporânea respeita seu tempo, sem depreciar o patrimônio histórico. Usa técnicas e materiais atuais para ressaltar a beleza do edifício antigo. 

Um novo lugar para a lista de pontos turísticos imperdíveis de se visitar em Paris. Não perca a oportunidade de observar essa joia arquitetônica se estiver de passagem pela capital francesa!

Nenhum comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *