Menu
Projetos e Obras
Busca
exposição-pucci

Conteúdo Correspondentes Internacionais

“Bonaveri – A Fan of Pucci”: exposição pop-up celebra encontro de marcas italianas

27/07/2018

Assinado pela tradicional grife da Itália, Emilio Pucci, o evento abriu as portas durante quatro dias em Florença e reuniu arte, história, design e uma curadoria de tirar o fôlego em um só lugar. Venha conferir todos os detalhes!

Durante a 94ª edição do evento Pitti Uomo, a grife italiana Emilio Pucci hospedou no seu palácio histórico, localizado em Florença (Palazzo Pucci), uma exposição com o conceito pop-up, com duração de quatro dias.

VEJA MAIS: 

A conexão das tendências do Pitti Uomo 92 com o mundo do design 

Pitti Uomo 93: saiba tudo o que rolou na primeira semana de moda do mundo

sacada_palacio_pucci

Os manequins na sacada do palácio já eram visíveis da rua (Foto: Luiza Vegini)

Em parceria com a marca pioneira em manequins, Bonaveri, as cores e estampas que são as características principais da Pucci estavam espalhadas por todos os cantos, em diversos manequins dispostos no decorrer da exposição.

As instalações tomaram conta dos dois andares do Palácio. Com uma jornada visual, os manequins Bonaveri tornaram-se os atores perfeitos para contar um pouco da história da grife italiana.

exposição_pucci

À esquerda, o contraste dos manequins com afrescos do palácio e, à direita, a instalação no pátio central (Foto: Luiza Vegini)

O início do percurso, no pátio principal, foi marcado pela estampada “Vivara”, que pincelou detalhes no bar Emílio instalado no vão central. Com manequins em diversas estaturas, o contraste entre os traços modernos da instalação e as características da arquitetura do século XVI encheu os olhos.

Subindo as escadas principais, percebemos que as estátuas originais do Palácio receberam artigos da grife, formando um encontro da arte com a moda.

estatua_pucci

Estátuas do palácio com acessórios da grife Pucci (Foto: Luiza Vegini)

Chegando na galeria do primeiro andar, nos deparamos com uma espécie de passarela. Manequins em veludo, como espectadores de um desfile, formavam um dégradé de cores e vestiam acessórios da marca.

Os mobiliários com estampas Pucci também estavam distribuídos no decorrer das salas da exposição. Com uma forma moderna, eles contrastavam com os afrescos e lustres antigos do palácio.

LEIA TAMBÉM: O contraste de marcas modernas inseridas em edifícios históricos

manequins_coloridos_pucci

A moderna passarela no Palácio Pucci (Foto: Luiza Vegini)

poltrona_estampas

Mobiliário com as tradicionais estampas Pucci (Foto: Luiza Vegini)

mobiliário_pucci

Mais mobiliário Pucci

Na Sala Bianca, cinco manequins estavam cobertos com materiais diversos, como palha, franjas, pérolas e perucas. Especialmente aqui, percebemos a sincronia com as características arquitetônicas do lugar.

sala_bianca

Instalação na Sala Bianca (Foto: Luiza Vegini)

sala_bianca2

Detalhes da Sala Bianca

A viagem termina com uma visita aos ateliês, que passaram os quatro dias produzindo miniaturas de roupas para os manequins personalizados.

O projeto criativo foi assinado por Emma Davidge, diretora de criação da Chameleon Vision, e Laudomia Pucci, que decidiu trazer ironicamente um encontro entre duas marcas históricas Made in Italy.

atelie_final

Arquitetura do século XVI, mobiliário moderno, moda e design (Foto: Luiza Vegini)

trabalho_atelie

Os manequins em miniatura (Foto: Luiza Vegini)

A exposição fascinou a todos que passaram pelo local. Com duração de apenas quatro dias, o evento era fechado para imprensa e convidados, e poder conferir tudo de perto foi um prazer para nós.

Gostou da criatividade ao integrar moda, história e design em um só lugar? Compartilhe com a gente a sua opinião!

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *