Menu
Projetos e Obras
Busca

Conteúdo Matérias

Bioarquitetura — Conceitos orgânicos na hora de projetar

27/02/2013

Arquiteto Javier Senosiain, além de excêntrico, é talentoso e não tem limites para a criatividade com a bioarquitetura.

Em meio à natureza, repleta de formas orgânicas e de cores diversas, a casa Nautilus, do arquiteto Javier Senosiain, demonstra toda a irreverência de seu trabalho. O mexicano, além de excêntrico, é talentoso e não tem limites para a criatividade com a bioarquitetura.

Vários projetos estão disponíveis no site do arquiteto, chamado “Arquitetura Orgánica“, e demonstram algumas semelhanças com traços do eterno Gaudí. Se você reparar na arquitetura da casa Nautilus, vai ver que tudo que é orgânico ganha evidência no projeto.

Na entrada, uma porta que se mistura com um portal de vitral colorido preenche de luz e cor a primeira impressão que se tem do interior. Com muitas folhagens e uma confortável sala de estar à entrada, a casa recebe os convidados com alegria.

bioarquitetura
bioarquitetura

Seguindo pelos divertidos caminhos propostos pelo arquiteto, você chega à copa. A parede se mistura aos móveis e as formas se confundem. Tudo está interligado.

O formato caracol foi criado para dar a ideia de continuidade e o arquiteto buscou relacionar os formatos e todo o projeto com o mesmo conceito orgânico de vida contínua.

bioarquitetura

Na imagem abaixo, você pode observar a vista da porta de entrada, que mais parece uma casa cinematográfica. Que personagem moraria aqui?

bioarquitetura

Um espaço especial garante o conforto na hora de se divertir. Veja abaixo a sala de TV, ideal para assistir a filmes e relaxar.

bioarquitetura-6

Ela é circular e tem os sofás tipo chaise, para deitar e curtir à vontade. Repare que a iluminação natural é bem utilizada em toda a casa.

bioarquitetura

Repare abaixo nas fotos do banheiro e do quarto do casal.

bioarquitetura
bioarquitetura

O quarto fica no piso superior, garantindo a privacidade dos moradores.

bioarquitetura

Totalmente integrada à natureza, a casa, que mais parece uma concha, soa pequena de fora, mas surpreendeu pelo espaço interno. Ela é quase como um caracol e vai se desdobrando à medida em que os ambientes vão aparecendo no lúdico caminho proposto pelo projeto de Javier. O objetivo do arquiteto é incentivar a produção de casas em harmonia com a natureza.

bioarquitetura-11

Todas as imagens são do site de Javier Senosiain.

2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *