Menu
Projetos e Obras
Busca

Conteúdo Arquitetura

Backsplash: o que analisar e quais as novidades?

16/01/2019

Está pensando em renovar algum espaço que tenha contato com água em sua casa? Então você precisa conhecer o backsplash! Com ele é possível modernizar a cozinha, banheiro ou área de serviço e obter resultados incríveis, basta abandonar o antigo padrão de revestir todo o ambiente e usar a criatividade!

Assim como a moda, a arquitetura e o design seguem tendências que sempre trazem novidades ao mercado. No entanto, peças e produtos são reinventados frequentemente, tornando aquilo que era utilizado no passado o queridinho do momento.

E, claro, podemos usar esse conceito para renovar os mais diversos ambientes de um projeto com criatividade. Nesse contexto, espaços que tem contato com a água, como a cozinha, lavabos, banheiros e área de serviço, merecem uma atenção especial na escolha do revestimento.

Para tanto, explicaremos no artigo o que é backsplash, quais são os benefícios de utilizá-lo, como definir o melhor material para esse revestimento e quais são as tendências dessa técnica. Acompanhe!

O que é backsplash?

Cozinha revestida com a linha Concretissyma Argento Line |  Bruno Carvalho

O termo backsplash foi importado dos EUA e, embora seja usado há algum tempo, ainda gera dúvidas entre as pessoas. No entanto, o conceito é simples: backsplash é o nome dado à área que fica localizada atrás da pia, entre a parede do balcão e os armários superiores, seja da cozinha, do banheiro ou da área de serviço, por exemplo. O termo “splash” faz referência ao local que se espirra água, óleo e outros líquidos enquanto uma pessoa usa a região molhada.

Cozinha com revestimento Backsplash | Machado Fontana Arquitetura

No Brasil, é muito comum ver as cozinhas com azulejos do piso até o teto, revestindo todas as paredes. Isso acontece porque no país a cultura da fritura é grande e, assim, opta-se por proteger uma área maior do ambiente. O mesmo acontece nos banheiros, áreas de serviço e lavabos. Já nos EUA, a parte impermeável, feita pelos revestimentos, é instalada somente na frente da pia, do fogão e do tanque. Afinal, na cultura americana, as frituras são feitas na área externa da casa (ambiente aberto) ou são consumidas na rua.

Além disso, usar revestimento em todas as paredes encarece a obra, principalmente para pessoas que têm cozinhas amplas. Sendo assim, os americanos preferem pintar as outras paredes com tintas que permitem a lavagem e utilizam materiais de qualidade superior para o backsplash.

Com a “importação” do backsplash, há diversas possibilidades para renovar a cozinha, deixando-a mais moderna e prática. Afinal, pode-se usar inúmeros tipos de revestimento, como os que reproduzem madeira, mármore, pedra. Além disso, o backsplash pode ser usado para modernizar todos os outros locais da residência em que se “espirra água”.

Quais são seus benefícios?

Área de serviço integrada | Thayná Mendes

Economia

Sem dúvidas aplicar revestimento somente na área molhada, que terá contato com água, respingos de óleo e outros líquidos, como os molhos, deixará a obra mais econômica. Afinal, ao aplicar em toda a cozinha, pode-se gastar até 10 vezes a quantidade de material, dependendo do tamanho do ambiente.

Sendo assim, o backsplash é uma ótima alternativa para pessoas que desejam dar uma cara nova a sua cozinha sem gastar muito.

Facilidade na limpeza

É importante que os materiais escolhidos para o backsplash sejam adequados para área molhada. Dessa forma, facilita-se a limpeza da área e a higienização do espaço.

Design

Como falado, existem vários tipos de materiais que podem ser usados. Apenas a troca do revestimento do backsplash é capaz de transformar seu cômodo em um ambiente moderno, clássico, aconchegante ou rústico. Para isso, basta usar as dicas de tendência dessa técnica descritas abaixo.

Como devo definir o que será usado no backsplash?

Escolha a área

É natural que em algumas casas sejam feitas mais frituras do que em outras, por exemplo. Sendo assim, antes de escolher o material e sua quantidade, é preciso definir qual será a área coberta pelo backsplash. Nesse caso, deve-se levar em consideração a quantidade de moradores e a frequência em que lava-se louça e são cozinhadas as refeições.

O mesmo vale para os banheiros e outras áreas molhadas. Nesse caso, também é indicado colocar o backsplah atrás das pias. No entanto, dentro do box é indicado revestir todas as paredes, a fim de evitar problemas com infiltração de água e mofo.

Opte por um revestimento fácil de limpar

É essencial que o revestimento seja fácil de limpar, afinal, estará em contato com molhos e respingos de fritura, substâncias que facilmente mancham e “grudam”. Se na cozinha forem feitas muitas frituras é indicado optar por um material mais resistente.

Isso porque apesar da grande maioria dos produtos de limpeza não agredirem o revestimento, limpar frequentemente e, ainda, de modo pesado pode desgastar mais facilmente materiais mais delicados de backsplash.

Eleja um material pouco poroso

Os materiais de pouca porosidade são ideais para áreas molhadas, visto que não absorvem as substâncias e, assim, não formarão manchas. Isso é importante porque durante o preparo das refeições podem ser espirrados líquidos muito pigmentados, que facilmente manchariam paredes e materiais porosos.

Pense no estilo da cozinha

Dentre as diversas possibilidades de uso do backsplash, é fundamental que o material escolhido acompanhe o estilo dos eletrodomésticos e dos móveis que já existem, a fim de criar uma ambiente com visual harmônico.

Quais são as tendências dessa técnica?

Espelhos

Pessoas que desejam um banheiro “clean” e tem pouco espaço em casa podem apostar nos espelhos. Isso porque a sua aplicação cria uma sensação de amplitude, além de deixar o ambiente elegante e sofisticado.

Espirros e gotas de água ficam visíveis, mas são facilmente limpos com água e sabão neutro.

Mosaicos

Os azulejos são, sem dúvidas, os materiais preferidos para o backsplash. Afinal, tem grande variedade de cor e forma, além de serem muito fáceis de limpar. O interessante é que essas peças podem ser usadas para fazer mosaicos, entregando ao ambiente escolhido um estilo personalizado e único.

Essa técnica pode ser usada de várias formas. Quem deseja dar um toque de cor para a área molhada pode optar por mosaicos coloridos. Já quem prefere um ambiente mais sóbrio e moderno pode optar pelos azulejos em cores sólidas, como preto e branco, em formas geométricas.

Pastilhas de vidro

Outra tendência forte para o backsplash é a utilização de pastilhas de vidro. Esse material é muito simples de ser limpo e pode ser usado para compor diferentes estilos na cozinha ou no banheiro. As de forma hexagonal são muito utilizadas para criar um ambiente elegante, principalmente aquelas em tom de cobre ou bronze.

O interessante é que o hexágono era amplamente utilizado na decoração na década de 50 e 60 e, agora, voltou como ícone de um décor moderno.

Placas de vidro temperado laqueado

O vidro laqueado é uma nova tendência nos mais variados ambientes. Na cozinha, ele é ideal para o backsplash, visto que é um material muito fácil de ser limpo. Para um visual “clean” pode-se utilizar o vidro laqueado em cores claras, como o branco e o gelo. Já para um visual moderno o vidro temperado em tom preto é ideal.

E então, ficou interessado em renovar algum espaço com a técnica de backsplash? Se você gostou da opção de mosaicos, veja agora opções de painéis de azulejos decorativos!

2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *