Menu
Projetos e Obras
Busca

Conteúdo Matérias

Monte uma área externa diferenciada com churrasqueira em 4 passos

10/08/2018

O projeto de um espaço social com churrasqueira pode ir muito além dos tradicionais tijolinhos. Neste artigo, você vai conferir dicas e exemplos de como projetar um ambiente de lazer com muita funcionalidade e estilo. Veja agora!

A área externa com churrasqueira não é uma novidade nas casas brasileiras, mas tem ganhado cada vez mais força nos projetos arquitetônicos.

Pelo menos, é o que a arquiteta Melissa Martins reparou. Ela conta que, muitas vezes, é contratada por clientes para projetar exclusivamente essa área, o que não era tão comum.

“O que antes era apenas uma churrasqueira na casa agora virou um ponto de encontro, de reunião, de festa. Eu acho que é algo que está crescendo bastante”, opina a arquiteta.

Um passeio pela seção de Áreas de Lazer & Externas do Archtrends Portobello evidencia que isso é mesmo uma tendência, e que arquitetos de todo o Brasil estão investindo em ideias inovadoras e atraentes para esse tipo de espaço.

Conversamos com Melissa sobre um projeto de área de churrasco que ela construiu em Curitiba. A profissional dividiu uma série de dicas conosco, que você confere abaixo reunidas em quatro passos essenciais para conceber uma boa área de lazer com churrasqueira!

Projeto de churrasqueira e área gourmet da arquiteta Melissa Martins

1. Entenda a necessidade do cliente: área íntima ou para festa?

Entender as necessidades e os desejos do cliente é importante em qualquer projeto arquitetônico, e na área de churrasqueira não é diferente.

Além de compreender o estilo que eles estão procurando — rústico ou retrô, por exemplo —, é essencial saber qual uso pretendem fazer do espaço, porque isso vai definir uma série de escolhas arquitetônicas.

Uma área íntima, de uso apenas dos moradores, pode pedir mais integração com a casa, e é possível usar o mesmo revestimento com diferentes texturas no piso da parte interna e da externa, por exemplo.

Exemplo de ampla área externa com churrasqueiras portáteis

No caso do projeto da Melissa, os clientes desejavam um espaço para receber amigos, por isso ela preferiu reforçar a setorização entre os ambientes. Ainda que a área externa seja uma continuação da cozinha, manteve-se uma porta de correr entre os cômodos, e a arquiteta fez questão de não utilizar o mesmo revestimento no piso.

“Essa setorização é importante porque, se o cliente vai dar uma festa e o evento é ali na área externa, ele pode não querer que as pessoas circulem pela casa. Então, além da barreira física, que é a porta, existe essa separação estética, que muda completamente os ambientes. Isso dá mais privacidade para os moradores da casa”, explica.

Outros fatores do projeto contribuem para essa setorização marcante: a área externa conta com um lavabo e com uma cervejeira para atender especificamente às reuniões de amigos.

Exemplo de projeto em que a área íntima se mistura com a área de festa

2. Harmonize o interior da casa com o ambiente externo

Setorizar os ambientes pode ser importante, mas não significa que o interior da casa não deva conversar com a área da churrasqueira. Na perspectiva de Melissa, é interessante que ela acompanhe o estilo escolhido:

Eu costumo seguir até os mesmos tons: o marrom, por exemplo, com porcelanato que reproduz madeiraclara dentro da casa e escura fora. Não são ambientes totalmente diferentes um do outro esteticamente, eles apresentam alguns elementos que conversam”.

Outra dica é prestar atenção ao ambiente que cerca a área externa. No caso desse projeto em Curitiba, o local da churrasqueira tem vista para um parque, e a profissional incorporou a beleza do cenário ao projeto utilizando grandes portas de vidro ao redor do espaço.

Originalmente, o local era ainda mais integrado ao ambiente externo, pois era aberto. Mas Melissa lembra que as noites de Curitiba costumam ser bastante frias, o que tornaria impraticável uma churrasqueira sem cobertura lateral.

3. Atente à funcionalidade do espaço

Assim como uma cozinha, a área de lazer externa com churrasqueira precisa ser funcional. Melissa destaca quatro elementos básicos que nota nesses ambientes: a churrasqueira em si, claro, a pia para o churrasqueiro, uma bancada para os convidados e também a mesa.

Outro exemplo de projeto com área de festa “reservada”

Ela conta que a bancada costuma ser muito requisitada para permitir mais interação entre a pessoa que faz o churrasco e os amigos. A arquiteta reserva um espaço de pelo menos um metro para circulação entre a churrasqueira e a bancada.

Ela também mantém um intervalo na bancada entre a churrasqueira e a cuba da pia. Assim, a pessoa tem onde apoiar e manusear o alimento tirado da churrasqueira sem perigo de cair diretamente na pia.

E, claro, também é necessário atenção à própria churrasqueira. No caso do projeto da Melissa, os clientes já haviam escolhido o modelo, mas ela conta que outros clientes já solicitaram que ela própria projetasse a churrasqueira.

Ela lembra que a solução foi estudar bastante as especificidades da construção de churrasqueiras, já que não há normas técnicas sobre isso no Brasil.

4. Inove nos revestimentos da churrasqueira

Em primeiro lugar, os revestimentos da churrasqueira precisam ser resistentes ao calor. As tradicionais churrasqueiras de tijolinhos ainda são uma opção, mas também é possível inovar esteticamente com a utilização de materiais como granito e porcelanato.

Foi justamente isso o que a Melissa fez. Desde a concepção do projeto, ela desejava aliar granito e porcelanato que reproduz madeira — utilizou o Araucária Clara no interior da casa, e queria um tom de madeira mais escuro no exterior, para harmonizar.

Projeto de área externa cadastrada no Archtrends

Na visita a uma CASACOR, conheceu o granito Roma Imperiale e se encantou: “Perguntei aos clientes se eles topavam utilizá-lo e eles toparam na hora. Eu acho que combina com a madeira, então aplicamos o revestimento Imbuia Clara da Portobello na churrasqueira e, no piso, um porcelanato que lembra cimento queimado, o Nude, com esse efeito mais fosco”.

LEIA TAMBÉM: 
Natureza e memórias: CASACOR SP dá vida ao lar com afeto e muito verde
Itapema recebe CASACOR pela primeira vez em imóvel histórico do Estado

Melissa não foi a única a aplicar peças de porcelanato na churrasqueira. Confira alguns outros projetos cadastrados no Archtrends Portobello que utilizaram a opção:

E você, utilizaria porcelanato para montar uma área externa com churrasqueira? Confira nosso post completo sobre porcelanato para áreas externas e descubra por que a praticidade desse material é uma boa escolha para o seu projeto!

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *