Menu
Projetos e Obras
Busca

Apolo Torres trabalha em mural para festival Finlandês, em Helsinki (Foto: Apolo Torres)

Conteúdo Matérias

Apolo Torres: grande nome do muralismo brasileiro

22/12/2021

Neste artigo, saiba mais sobre a história e as obras de Apolo Torres, uma referência no muralismo contemporâneo brasileiro!

Apolo Torres é um dos maiores nomes do muralismo contemporâneo brasileiro. O artista mescla pintura clássica, arte contemporânea e street art, que aparecem em suas obras inspiradas no graffiti. 

Além de exposições individuais no Brasil, ele tem passagem por diferentes países, como Estados Unidos, França, Itália e Emirados Árabes Unidos. 

Suas obras expressam cenas cotidianas e levam vida a importantes áreas urbanas em cidades como São Paulo e Rio de Janeiro. 

Saiba mais sobre Apolo Torres nas linhas a seguir!

Apolo Torres reúne talento e conhecimento em suas obras 

Apolo Torres nasceu em 2 de maio de 1986, em São Paulo. Ele foi criado em Diadema, região metropolitana conhecida como ABCD. Sua graduação é em Desenho Industrial, pelo Mackenzie. 

Depois, se aprofundou em temas relacionados à pintura para se tornar um artista ainda mais completo. A formação foi na School of Visual Arts, em Nova York, nos Estados Unidos. 

Em sua passagem pelo país norte-americano, adquiriu conhecimentos específicos em figura realística e pintura de retratos, pintura de luz e auto interpretação. 

O talento e a técnica aparecem nas suas exposições individuais e coletivas — que, além do Brasil, já passaram por países como Estados Unidos e Itália.

Ele também tem obras públicas e participou de festivais em mais cidades, como Paris (França), Kiev (Ucrânia) e Dubai (Emirados Árabes Unidos). 

Mural
Mural “Personality” faz parte do Memorie Urbane Festival, em Arce, na Itália (Foto: Apolo Torres

Artista é símbolo do muralismo contemporâneo 

No Brasil, Apolo Torres é referência quando o assunto é o muralismo contemporâneo

Essa é uma corrente artística que expressa temas populares por meio de grandes pinturas. Geralmente, a arte é exposta em muros ou fachadas — daí a origem do nome. 

O movimento surgiu no México, no século XX, como uma expressão do contexto político do momento após a Revolução Mexicana. 

A ideia é que fosse uma forma de levar educação e arte a todos, indo além das quatro paredes de museus e galerias. 

A originalidade também é uma das marcas do muralismo, que busca técnicas e inspirações na comunidade local para se expressar. 

No Brasil, por exemplo, o muralismo contemporâneo deriva do graffiti. No entanto, a técnica usada por Apolo Torres em seus murais é autoral, usando rolinhos de pintura. 

Embora seja um movimento bastante popular na atualidade, o muralismo não é uma novidade no mundo das artes. 

Pinturas rupestres e até afrescos renascentistas já tinham o mesmo intuito de retratar cenas importantes do cotidiano. 

Assim, esses movimentos foram capazes de marcar no tempo as tradições, os costumes e a cultura dos povos de diferentes épocas.

Por aqui, grandes nomes da arte, como Candido Portinari e Di Cavalcanti, também são referências do muralismo. 

Apolo Torres coleciona passagens por cidades fora do Brasil, como no caso do mural “Heritage 1”, em Nova York
(Foto: Apolo Torres

Apolo Torres divide seu conhecimento por meio de cursos 

Para quem se interessa pelo trabalho do artista e quer aprender com ele, Apolo Torres oferece algumas opções de curso

O interessante é que são 100% online, ou seja, podem ser aproveitados por pessoas de qualquer lugar do Brasil e do mundo. 

No curso de Pintura, por exemplo, aprende-se sobre a organização do desenho e da paleta de cores, além dos materiais necessários para a obra. Ao todo, são 15 aulas, com duração total de 5h30. 

Apolo Torres também divide seus conhecimentos a respeito do Muralismo Contemporâneo em um curso de mesmo nome. 

Trata-se de um conteúdo cheio de referências, em que ele mostra na prática como conceber pinturas grandes. Tudo é passado para seus alunos em 13 aulas que totalizam 4h. 

Por fim, quem tem interesse em ambos os assuntos pode optar pelo curso Pintura e Muralismo, que mescla o conteúdo dos dois anteriores. Acontece em 24 aulas, com 8h30 no total. 

Obras de Apolo Torres 

De maneira geral, o artista brasileiro retrata cenas do cotidiano, como nas pinturas de Tempestade. As obras mostram pessoas lidando com os alagamentos causados pelas chuvas em grandes cidades.  

Ônibus, carro e kombi com água pela metade da carroceria, pessoas andando de bicicleta ou usando guarda-chuvas são alguns exemplos. 

No entanto, ao longo de sua carreira, Apolo Torres foi responsável por obras que ficaram bastante conhecidas. Uma das mais famosas é Nina

O mural foi pintado para a campanha Educação Não É Crime, criada pelo jornalista iraniano Maziar Bahari. 

“Nina” é um dos murais mais emblemáticos de Apolo Torres (Foto: Apolo Torres

Também em São Paulo, outra obra famosa de Apolo Torres se chama Entregador e faz parte do Museu de Arte de Rua (MAR). 

Ela foi criada em 2020 para homenagear a atuação dos entregadores de aplicativos de comida. Afinal, esses profissionais tiveram papel importante durante a pandemia da Covid-19. 

A obra fica na Avenida Santos Dumont, uma das mais movimentadas da Zona Norte de São Paulo. O mural, que levou sete dias para ficar pronto, foi feito em parceria com a agência Dionísio.  

“Entregador” é obra de Apolo Torres que faz homenagem a entregadores de aplicativo de comida (Foto: Apolo Torres

Já na Avenida Rodrigues Alves, no Rio de Janeiro, Apolo Torres deixou sua marca na revitalização da região conhecida como Porto Maravilha. O projeto, intitulado Rua Walls, é de 2018. 

O grande mural retrata cenas da boêmia carioca. Há uma banda tocando, além de uma xícara de café e um copo com o famoso “pingado” (mistura de café com pouco leite).

Grande mural de Apolo Torres leva vida à região do Porto, no Rio de Janeiro
Grande mural de Apolo Torres leva vida à região do Porto, no Rio de Janeiro (Foto: Apolo Torres

Já na mostra Um dia antes, Apolo Torres usa óleo sobre tela em pinturas realistas. Em Vivência, o cenário de uma cozinha parece até um render de arquitetura.

Muralista Apolo Torres também se dedica a pinturas realistas
Muralista Apolo Torres também se dedica a pinturas realistas (Foto: Apolo Torres)

O mesmo feito realista também aparece em Refúgio, obra inspirada em sua casa e sua família. A criação, que data no início do isolamento social por causa da Covid-19, é em tinta acrílica sobre tela.

Obra em tinta sobre tela retrata dia a dia em família durante a pandemia, em 2020
Obra em tinta sobre tela retrata dia a dia em família durante a pandemia, em 2020 (Foto: Apolo Torres)

Além dos murais de Apolo Torres, a capital paulista tem muitas outras atrações e atividades interessantes para quem gosta de arte e design. Conheça alguns lugares incríveis para observar a arquitetura em São Paulo!

Foto de destaque: Renomado muralista brasileiro, Apolo Torres trabalha em mural para festival Finlandês, em Helsinki (Foto: Apolo Torres)

Nenhum comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *